Enxaguante bucal – Cuidando da saúde da sua boca!

17/02/2021 0 Por cliquefarma

Se você é um leitor recorrente aqui do blog, sabe que já falamos sobre diversos produtos de higiene bucal. Hoje chegou a vez do Enxaguante Bucal – Você sabe para que ele serve? Quais os tipos, melhores marcas, como usar corretamente e onde comprar pelo melhor preço e condição de entrega? Então confira agora mesmo que vamos te responder tudo isso neste artigo!

O que é o enxaguante bucal?

O enxaguante bucal é uma solução desenvolvida para ajudar na higiene oral e no combate às placas bacterianas, prevenindo o surgimento de algumas doenças bucais. Assim, mesmo que seja bastante associado ao combate ao mau-hálito, devido à refrescância que ele proporciona, essa não é a sua verdadeira indicação. 

Apesar de colaborar com o processo de higiene e, consequentemente, com o hálito do paciente, o enxaguante bucal precisa estar associado aos demais procedimentos de limpeza, como a escovação e o uso de fio dental. Portanto, ele não deve ser utilizado em substituição à escovação, já que o produto não consegue retirar os resíduos de alimentos e fazer a higienização completa.

Dessa maneira, se a substituição da rotina de limpeza pelo uso do enxaguante se tornar frequente, há riscos de desenvolver cáries, gengivite e outros problemas de saúde. Além disso, apesar de o produto proporcionar benefícios, ele deve ser utilizado com atenção e mediante recomendação profissional. 

Quem pode usar enxaguante bucal? 

Como os enxaguantes bucais são vendidos em mercados, farmácias e outros estabelecimentos, sem um controle efetivo, muitos acreditam que ele pode ser utilizado de forma indiscriminada, incorporado à rotina de higiene bucal. No entanto, é sempre importante contar com a recomendação feita por um dentista. Ele avaliará se o produto é realmente necessário e prescreverá o mais indicado para o seu caso. Entre as principais indicações, podemos citar:

  1. combate à bactérias durante o pós-operatório bucal;
  2. tratar a sensibilidade dos dentes;
  3. potencializar a higiene oral.

Ao usar o enxaguante bucal, siga sempre as instruções do rótulo e instruções do dentista, que incluem informações sobre o momento certo (antes ou depois da escovação), necessidade de diluir o produto ou não e frequência de uso. 

Quais são os tipos de enxaguantes bucais?

Existem diferentes tipos de enxaguantes bucais, com diferentes composições e indicações de uso. Conheça os principais:

Com álcool

Esse tipo deve ser usado apenas em situações específicas, sempre com indicação do dentista e supervisão. O álcool é uma substância que pode provocar o ressecamento da mucosa bucal, com descamação de tecidos moles e diminuição na produção de saliva, causando a sensação de boca seca. Por isso, mesmo quando indicado, não deve ser utilizado de modo contínuo. 

Sem álcool

Exatamente pelos riscos que o álcool proporciona, os enxaguantes bucais sem álcool são os mais comuns no mercado. A fórmula é diluída em água deionizada e pode ser composto por flúor, com ou sem antisséptico, entre outras composições. 

Com flúor

O flúor é utilizado na prevenção de placa bacteriana e outros problemas bucais, além de fortalecer o esmalte dos dentes. A indicação principal é para quem tem mais sensibilidade às cáries ou utiliza aparelhos ortodônticos, que podem dificultar a higienização. Porém, ele não deve ser utilizado por crianças, já que pode colaborar com o desenvolvimento da fluorose, que causa manchas nos dentes. 

Com clorexidina

A clorexidina é uma das substâncias que pode estar presente nos enxaguantes bucais antissépticos, ela tem como objetivo eliminar as bactérias da boca. O ponto de atenção é que nem todas são prejudiciais: algumas são naturais e ajudam no controle de acidez, então a fórmula deve ser utilizada com cuidado.

Por isso mesmo, esse produto costuma ser indicado em pós-operatórios bucais, com prescrição do dentista e por um período de, no máximo, 15 dias. O uso incorreto do produto pode alterar o paladar, causar sensibilidade nos dentes, deixá-los porosos ou com manchas marrons. 

Com produtos naturais

Existem alguns produtos desenvolvidos à base de plantas para ajudar na saúde bucal, com menos riscos de efeitos colaterais. Aqui, além de enxaguantes disponíveis no mercado, também é possível se deparar com receitas na internet. Todavia, mesmo que não tenham substâncias que ofereçam risco aparente, é importante consultar o dentista antes de incluir o produto na sua rotina de higiene. 

Contraindicações

Também existem alguns casos em que o uso é contraindicado ou tem restrições específicas. Veja quais são:

  • crianças menores de 3 anos;
  • crianças maiores de 3 anos, se o produto tiver flúor ou álcool;
  • diabéticos, se o enxaguante tiver corante, pois podem conter açúcar;
  • paciente em processo de clareamento dental, se o produto tiver corante.

Pronto! Agora que você já sabe o que são os enxaguantes bucais, quais os tipos e suas contraindicações, agora vamos analisar como escolher qual o produto ideal, as principais dúvidas e as 10 melhores marcas disponíveis para adquirir em 2021. Confira agora mesmo!

Como escolher o enxaguante bucal ideal?

Primeiro, você deve saber qual o tipo de problema deseja resolver. Por exemplo, eles diminuem o mau hálito, mas não o eliminam completamente. De toda forma, o antisséptico bucal é recomendado a partir dos 6 anos, idade em que as crianças conseguem usar um enxaguante bucal apropriadamente.

A versão com álcool, contudo, deve ser evitada principalmente para as crianças, os idosos, gestantes, dependentes químicos e por quem está passando por tratamentos de quimioterapia e radioterapia.

Inclusive, o uso diário de enxaguantes bucais com mais de 25% de álcool aumenta as chances de desenvolver câncer de boca e de faringe. Os enxaguantes com álcool também podem desenvolver boca seca e a irritação da mucosa bucal, como já mencionamos.

Escolha a fórmula de acordo com as suas necessidades

Para escolher a melhor opção, você deve considerar o seu objetivo, pois os enxaguantes contam com ingredientes diferentes em suas fórmulas e podem ser utilizados tanto para complementar a higienização diária, como para combater problemas de saúde, como cárie e gengivite. 

Para combater o mau hálito, opte por enxaguantes com antibactericidas

A maioria dos enxaguantes bucais contêm antibactericidas e esterilizantes, como o CPC e o triclosan, que ajudam a controlar o mau hálito. Se a sua intenção for usar o enxaguante diariamente invista em fórmulas indicadas para uso geral, com esses ingredientes na composição. 

Embora a prevenção das bactérias seja fundamental para neutralizar os odores desagradáveis, saiba que os enxaguantes aliviam o mau hálito de forma momentânea, sem tratar a causa do problema. Portanto, quem sofre com essa condição deve procurar um dentista para descobrir a sua origem.

Flúor na composição é ótimo para evitar cáries e placa bacteriana

Enxaguantes bucais com flúor são ideais para dentes com propensão à cárie ou placas bacterianas. O flúor combate a perda de minerais das camadas externas dos dentes, processo que leva a formação de cáries, por isso é uma ótima opção para complementar a higienização bucal.

Fórmulas compostas por flúor podem ser utilizadas diariamente, ou uma vez por semana, dependendo da concentração dessa substância e da recomendação do dentista. Mas, fique atento, evite produtos fluoretados para crianças, já que o seu excesso pode manchar os dentes e até gerar problemas no estômago.

Aposte nas fórmulas produzidas com ingredientes naturais para utilizar diariamente

Os enxaguantes bucais são benéficos para a saúde e, muitas vezes, fundamentais para eliminar problemas que surgem na boca, todavia, as substâncias antibacterianas utilizadas na fórmula podem ter efeitos colaterais ao longo do tempo. A alternativa são os produtos compostos por ingredientes naturais. 

As opções feitas principalmente à base de plantas são de boa qualidade e também ajudam a combater as bactérias causadoras de mau hálito e as cáries. Entretanto, não são as melhores para tratar problemas mais graves, como gengivite. Além disso, mesmo sendo mais naturais, não dispensam a recomendação do dentista.

Para uso contínuo, prefira as composições sem álcool

O álcool pode, ou não, estar presente nas composições dos enxaguantes bucais, ele é utilizado basicamente para conservar e diluir princípios ativos da fórmula. A substância deve ser evitada porque, além de não aumentar a eficácia dos produtos, pode causar diversos problemas à saúde bucal.

Embora o sabor e a sensação de refrescância sejam intensos em enxaguantes bucais com álcool, seu uso constante pode causar ressecamento da mucosa, descamação de tecidos moles da boca e até diminuição da produção de saliva. Só use essa opção por indicação médica.

Já os enxaguantes sem álcool são os melhores para quem deseja utilizá-los todos os dias, afinal, são inofensivos para a saúde bucal e tão eficazes quanto. As opções sem álcool podem não ser tão refrescantes, mas também não causam ardência e, por isso, também são indicadas para as crianças.

Leve em conta o sabor do enxaguante bucal ao escolher

Você pode encontrar enxaguantes bucais de diferentes sabores, desde os tradicionais de menta e hortelã, até os produtos que contam com ingredientes naturais, como gengibre e limão. Considere suas preferências para que o uso seja agradável e você consiga a sensação de hálito fresco que deseja.

Dentre as opções desenvolvidas para as crianças, os enxaguantes bucais de tutti-frutti e morango são os mais comuns, já que o sabor doce agrada o paladar dos pequenos e assim, contribui para que eles gostem de cuidar da saúde bucal, fazendo uso do enxaguante sempre que recomendado.

Qual o tipo ideal?

Em suma, você pode optar pelos produtos sem álcool, que não maltratam a boca, não ardem e podem ser usados com maior frequência.

No caso do enxaguante bucal com flúor, é facilmente encontrado em farmácias e supermercados. Você pode usar esse tipo diariamente, para evitar os problemas citados anteriormente.

Fique atento, pois algumas marcas permitem ser utilizadas em menor quantidade, devido à sua grande potência de suas fórmulas. Por isso, é ideal que um dentista seja consultado para indicar o produto nas quantidades ideais.

Principais dúvidas

Para tentar diminuir algumas das possíveis dúvidas que possa estar tendo nesse momento, veja algumas considerações gerais sobre o enxaguante bucal:

  • Você pode usar o antisséptico bucal duas vezes ao dia, geralmente, entre bochechos de 30 segundos de duração.
  • É ideal que use primeiro o fio dental, depois escove os dentes e por último use o enxaguante.
  • Como já dito, o sem álcool é mais indicado, uma vez que a única diferença entre as duas versões são os óleos essenciais da fórmula.
  • O produto em si não é causador de câncer.
  • Algumas marcas permitem que o enxaguante seja diluído em água, o dentista vai saber distinguir quais podem e quais não.

Top 10 Melhores enxaguantes bucais para comprar em 2021

Marcas como Colgate, Listerine e Oral B desenvolvem ótimas opções, mas para encontrar um enxaguante bucal que atenda às suas necessidades, você deve ter atenção especial às substâncias que compõem a fórmula. Confira a seguir nossas dicas e um ranking com os 10 melhores enxaguantes bucais do mercado.

Com os 10 melhores produtos disponíveis no mercado, o ranking conta com opções para uso diário, compostas por ingredientes naturais, enxaguantes bucais para tratar problemas específicos, como o tártaro, e também uma ótima escolha para as crianças. Confira agora mesmo:

Bom custo-benefício para um hálito fresco

Boa escolha para quem quer combater o mau hálito e deixar a boca com sensação de refrescância. O enxaguante bucal Cepacol tem ação antisséptica e antibactericida, que ajuda a combater as bactérias e os germes que causam cárie, placa bacteriana e também o mau hálito.

O sabor de menta do produto é bem presente, portanto, quem gosta da sensação de frescor vai adorar essa opção. Além disso, ele oferece um ótimo custo-benefício, já que seu preço é acessível, por uma boa quantidade de produto. Fique de olho, pois alguns consumidores acham o enxaguante muito forte.

Antibactericida Sim
Flúor
Natural Não
Álcool
Sabor Menta

Opção com CPC, eficiente contra mau hálito e placas bacterianas

Produto da Oral-B desenvolvido com o CPC (cloreto de cetilpiridínio), que é um antisséptico eficaz contra as bactérias causadoras das placas bacterianas e do mau hálito. Esse enxaguante bucal é uma boa escolha para você que quer investir em uma opção de limpeza bem completa para os seus dentes.

Além disso, o antisséptico também conta com flúor na composição, substância bem eficiente, indicada para combater as cáries. Não possui álcool, mas garante sensação de refrescância e limpeza, graças ao sabor de menta. Lembre-se apenas que esse produto não é indicado para crianças, por conter flúor.

Antibactericida Sim
Flúor Sim
Natural Não
Álcool Não
Sabor Menta

Ingredientes orgânicos com propriedades anti-inflamatórias

A Natural desenvolveu uma fórmula rica em ingredientes orgânicos que auxiliam na limpeza eficaz da boca. O produto conta com a ação antisséptica e antibacteriana do limão, que auxilia na prevenção de bactérias e germes causadores do mau hálito, das cáries e da placa bacteriana.

O gengibre também aparece na composição, pois ele possui ações anti-inflamatórias e antioxidantes, além de ser bactericida. Considerada vegana, a marca não usa conservantes químicos, flúor, álcool e nem faz testes em animais. Alternativa apropriada para quem quer cuidar dos dentes e do meio ambiente.

Antibactericida Não
Flúor Não
Natural Sim
Álcool Não
Sabor Limão e gengibre

Limpeza completa para quem usa aparelho ortodôntico

Se você já usou aparelho sabe como eles podem dificultar a limpeza dos dentes, não é mesmo? Brackets e elásticos tornam a higienização complicada, mas cuidar da saúde bucal é essencial para o tratamento. Pensando nisso, a Colgate lançou essa ótima opção, que limpa as áreas mais difíceis, com eficácia.

A fórmula, sem álcool, é composta por fluoreto de sódio 0,04% e flúor fosfato acidulado, ativo utilizado para prevenir cáries e fortalecer os dentes. O produto também ajuda a evitar manchas brancas nos esmaltes do dente e deixa o hálito refrescante, com seu tradicional sabor de menta.

Antibactericida
Flúor Sim
Natural Não
Álcool Não
Sabor Menta

Ótimo para prevenir o tártaro

Com sabor suave de menta, essa opção da reconhecida marca Listerine é uma boa escolha para quem busca uma limpeza completa dos dentes. O produto é indicado para prevenir, principalmente, o tártaro, assim elimina bactérias responsáveis por sua causa e deixam a boca ainda mais limpa.

Sem álcool em sua fórmula, esse enxaguante bucal conta com zinco, para combater o tártaro, e óleos essenciais na composição. Além disso, também contribui para diminuir o mau hálito e garante uma sensação de limpeza duradoura. Boa escolha para você que precisa complementar a higienização diária.

Antibactericida Sim
Flúor Não
Natural Não
Álcool Não
Sabor Menta suave

Ótimo para proteger os dentes das cáries

O enxaguante bucal Elmex é indicado principalmente para quem quer prevenir o aparecimento de cáries nos dentes. A fórmula contém fluoreto de amina, substância eficaz para proteção, já que consegue se conectar com o cálcio natural da boca e assim cria um escudo poderoso nos dentes, com cálcio e flúor.

Sua composição, sem álcool e sem conservantes, oferece um sabor suave, diferente da clássica refrescância da menta, por exemplo. É também um produto recomendado para quem usa aparelhos ortodônticos, já que protege áreas que a escova não alcança, remineralizando os danos iniciais do esmalte dos dentes.

Antibactericida Não
Flúor Sim
Natural Não
Álcool Não
Sabor Suave

Ideal para uma limpeza completa da boca

Essa opção de enxaguante bucal da Listerine oferece, segundo a marca, 6 benefícios: prevenção de cáries e placas bacterianas, fortalecimento do esmalte dos dentes, redução do aparecimento de tártaro, hálito fresco e gengivas mais saudáveis (em comparação com a escovação mecânica).

Sua nova fórmula não apresenta álcool, mas possui flúor e antibactericidas, exatamente para higienizar totalmente a boca e os dentes, com eficácia. O sabor de menta suave é ótimo para quem quer um hálito fresco. Boa escolha para você que busca um produto completo.

Antibactericida Sim
Flúor Sim
Natural Não
Álcool Não
Sabor Menta fresca

Boca Saudável com Prevenção de Cáries e Bactérias

O enxaguante bucal Colgate Plax Clássico é uma ótima escolha para completar a limpeza diária da boca e fortalecer os dentes. Sua composição, sem álcool, conta com agente antibacteriano, que mata os germes causadores do mau hálito, da placa bacteriana e da gengivite.

Além disso, sua fórmula também possui flúor, para prevenir com eficácia o aparecimento de cáries. A Colgate ainda promete 12 horas de proteção com o uso desse enxaguante, que proporciona hálito refrescante, com um sabor suave, ótimo para quem não gosta dos sabores mais fortes de menta e hortelã.

Antibactericida Sim
Flúor Sim
Natural Não
Álcool Não
Sabor Suave

Produto vegano para uso diário

Dentre as opções produzidas com substâncias naturais, o enxaguante bucal vegano da Boni Natural é uma ótima escolha. Ele é formulado com óleo essencial de menta, para um hálito refrescante, e óleo essencial de melaleuca, considerado um bom antisséptico orgânico.

É uma boa escolha para quem quer finalizar a higienização diária com um enxaguante bucal que deixa a boca com uma sensação agradável de limpeza e ajuda a combater o mau hálito. O produto também contém propriedades antissépticas, antibacterianas e anti-inflamatórias. Vale a pena experimentar!

Antibactericida Não
Flúor Não
Natural Sim
Álcool Não
Sabor Menta

Ideal para complementar a limpeza bucal diária

De acordo com a marca, a nova fórmula do Listerine Cool Mint garante muita mais suavidade na hora de limpar a boca, sem perder a eficácia e a sensação de refrescância. Com sabor de menta suave, esse enxaguante bucal é ideal para quem busca uma opção para utilizar todos os dias, após a escovação.

O produto promete acabar com até 99% das bactérias e germes causadores do mau hálito, das placas bacterianas e até a gengivite, com até 12 horas de proteção. É uma boa escolha para quem quer prevenir problemas bucais e cuidar dos dentes com atenção. Vale a pena experimentar.

Antibactericida Sim
Flúor Não
Natural Não
Álcool Não
Sabor Hortelã

Se o problema for gengivite – Escolha um enxaguante com clorexidina!

A Clorexidina é uma substância utilizada na formulação de enxaguantes bucais próprios para tratar a gengivite e combater a formação do biofilme dental. Produtos compostos por digluconato de clorexidina são os mais comuns dentre as opções terapêuticas do mercado e eles são conhecidos como antissépticos.

Esse tipo de enxaguante também é recomendado no período pós-operatório, já que matam bactérias. Mas atenção, pois ele só deve ser utilizado por pessoas que constataram esses problemas ou receberam orientação do dentista, afinal o uso contínuo pode provocar manchas nos dentes e alteração no paladar.

Uma indicação de um ótimo enxaguante bucal para quem deseja tratar a gengivite é o seguinte da marca Colgate, porém, antes de comprar, consulte o seu dentista!

Opção com clorexidina, ótima para combater a gengivite

Ideal para tratar gengivite e para utilização após procedimentos odontológicos, esse enxaguante bucal da Colgate conta com gluconato de clorexidina a 0,12%, substância super eficiente para eliminar os germes e bactérias que causam a gengivite, a placa bacteriana e o mau hálito.

Com ação eficaz e profunda, você só deve utilizar esse enxaguante bucal com recomendação do seu dentista, a própria marca indica o uso por no máximo 21 dias. A fórmula potente do produto permanece ativa por até 8 horas, ou seja, é uma boa escolha para combater problemas específicos da saúde bucal.

Antibactericida Sim
Flúor Não
Natural Não
Álcool Não
Sabor Hortelã

Como usar o enxaguante bucal corretamente?

Utilizar o enxaguante bucal corretamente garante ainda mais eficácia para a limpeza. O recomendado é colocar o líquido na tampinha, na quantidade indicada pelo fabricante, ou pelo seu dentista, e fazer o famoso bochecho por 30 segundos. Assim, você garante que o produto alcance todas as áreas da boca.

As indicações podem variar, mas geralmente, eles só devem ser utilizados duas vezes ao dia, de manhã e à noite, de preferência antes de dormir, já que nesse período a salivação diminui e o produto consegue agir por mais tempo. 

Não esqueça que,como mencionado no início do artigo, o enxaguante bucal não dispensa a escovação. Apenas uma higienização completa com escova e fio dental remove efetivamente todas as sujeiras dos dentes e da boca. Ele deve ser utilizado como complemento da limpeza diária, para prevenção de cáries e em caso de doenças.

Agora você já sabe os benefícios do enxaguante bucal e como escolher um que atenda às suas necessidades. É importante identificar as substâncias que compõem a fórmula do produto e ter certeza de que elas realmente são adequadas aos seus objetivos, afinal as variedades são muitas.

Não se esqueça de optar pelos enxaguantes bucais sem álcool e verificar se o sabor te agrada, já que muitas vezes buscamos o produto para aliviar o mau hálito e garantir uma sensação refrescante.

Onde comprar?

Realmente o uso do enxaguante bucal é importante, então se antes você não usava, agora tem motivos de sobra para começar. Que tal cuidar da sua boca e ainda economizar? Através do Cliquefarma, nosso buscador e comparador de preços você encontra a melhor oferta do seu enxaguante bucal favorito e ainda consegue saber qual a melhor condição de entrega das farmácias e drogarias aí da sua região, para conseguir comprar sem precisar sair de casa! 

Busque agora mesmo e depois comente no box abaixo sua experiência fazendo uso do produto. Sua opinião é importante para nós!