Xarope Expec

25/11/2019 0 Por cliquefarma

O xarope Expec é indicado no tratamento sintomático da tosse (irritativa, não produtiva, espasmódica, seca) associada a várias condições respiratórias.

Apresentação de Expec

Uso Oral.

Uso Adulto e Pediátrico Acima de 2 anos de idade.

 

Xarope. Frasco com 120mL.

 

Princípios ativos: cloridrato de oxomemazina, iodeto de potássio, benzoato de sódio, guaifenesina.

Qual a composição de Expec?

 

Cada 5 mL do xarope contém:

 

cloridrato de oxomemazina…………2 mg

iodeto de potássio……………………100 mg

benzoato de sódio……………………20 mg

guaifenesina………………………….30 mg

veículo* q.s.p………………………..5 mL

 

*hietelose, sacarina sódica, hidróxido de sódio, essência de framboesa, essência de caramelo, corante vermelho bordeaux, ciclamato de sódio, álcool etílico, ácido cítrico, água purificada.

O incômodo da tosse

A tosse trata-se de um mecanismo de defesa reflexa importante. Suas principais funções fisiológicas são: a eliminação de secreções das vias aéreas, a proteção contra a aspiração de corpos estranhos, secreções ou alimentos, a defesa contra disfunção ou lesões ciliares, e a proteção contra episódios de arritmia potencialmente fatais (ao gerar aumento de pressão intratorácica).

 

A tosse é uma das causas mais comuns de procura por atendimento médico e pode estar relacionada a uma grande variedade de doenças pulmonares e extrapulmonares. 

 

Ela pode ser considerada um problema de saúde agudo e autolimitado; no entanto, em uma proporção importante de pacientes, a tosse pode se apresentar como um sinal crônico isolado e é preciso cautela para identificar se não está relacionada a outra condição clínica prévia.

 

As causas por trás da estimulação da tosse podem variar: infecções (virais ou bacterianas, as quais tipicamente induzem a produção de muco), alergias (rinite alérgica, sazonal ou perene, asma alérgica), mudanças bruscas de temperatura, ambiências contaminadas, cigarro, poeira e certas classes de medicamentos, como inibidores da enzima conversora de angiotensina (IECA) e betabloqueadores.

 

Pode também ser um sinal/sintoma de outro problema de saúde não autolimitado, como a asma, doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), bronquite, doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), tuberculose, câncer de pulmão, insuficiência cardíaca descompensada, entre outros.

 

A importância do xarope para alívio da pessoa com tosse

A tosse é um sintoma presente em diversas condições e doenças, desde inflamação da garganta até pneumonia e asma. Em alguns casos, ela pode ser muito frequente e acaba se tornando um verdadeiro incômodo, provocando até mesmo falta de ar, impedindo uma pessoa de dormir bem e atrapalhando seu bem-estar e sua qualidade de vida.

Xarope ajuda a diminuir tosse e irritação na garganta

Para amenizar o desconforto causado pela tosse, os pacientes podem recorrer ao uso de xaropes. “Para a melhora sintomática da tosse, os xaropes podem aliviar muito os pacientes e podem ser usados de acordo com seu modo de ação para cada tipo de tosse”, afirma a otorrinolaringologista Cristiane Mayra Adami.

 

Tipos de tosse e tipos de xarope para combatê-las

Existem dois tipos de tosse. A seca é aquela em que não há catarro e costuma ser resultado de alergias, asma, inflamação da garganta e também casos de gripe em que já não há mais catarro para ser expelido. Já a tosse produtiva é aquela em que há a presença de muco e é geralmente um sintoma de infecção bacteriana ou viral, como gripe e resfriado.

 

Observe na hora da compra do seu xarope qual é específico para tratar o tipo de tosse Cada xarope é específico para um tipo de tosse e, por isso, atua de uma maneira diferente, o que é importante observar na hora da compra. “Existem xaropes expectorantes e fluidificantes para a tosse produtiva, antitussígenos de ação central para a tosse seca e xaropes antialérgicos que auxiliam na melhora da tosse com sua sedação”, explica a médica.

 

Devemos frisar que é importante ficar alerta para a necessidade de procurar um especialista para verificar o que está causando a tosse, principalmente se estiver acompanhada de outros sintomas: “Os xaropes para tosse não devem ser usados indiscriminadamente. Eles aliviam os sintomas, mas é preciso sempre investigar a causa da tosse para tratá-la adequadamente e evitar possíveis complicações”, ressalta a médica.

Quais os passos a se seguir?

  • Identificar se a tosse é seca ou produtiva;
  • Tomar cuidado com a idade de quem vai ingerir o medicamento; 
  • Procurar um médico para escolher o melhor tratamento

A recomendação é de sempre procurar um especialista, pois é importante usar o tipo de xarope adequado para o seu problema. Apesar disso, no entanto, algumas dicas são bem vindas.

 

Xarope errado pode trazer complicações e não cura tosse.

Visto que já entendemos os dois tipos de tosse: a seca – resultado de alergias, refluxo gastroesofágico ou alguns vírus, e não possui catarro -, e a tosse produtiva – relacionada às infecções bacterianas, cigarro, poluentes do ar ou outros, e com catarro, agora precisamos entender que um xarope mal escolhido pode agravar e encobrir um quadro mais grave de infecção. 

É importante ficar atento. Em geral, existem três tipos de xaropes. Os fluidificantes, os expectorantes, e os anti-inflamatórios, que também são chamados de antitussígenos.

 

Os xaropes antitussígenos são indicados para a tosse seca. Já os expectorantes e os fluidificantes são recomendados para a tosse produtiva. No caso dos xaropes fluidificantes, eles aumentam a viscosidade do muco e, por consequência, facilitam sua expulsão e absorção pelo próprio organismo. 

 

Já os antitussígenos inibem o reflexo da tosse e, por consequência, a expulsão de secreção. Claro que qualquer um deles só deve ser utilizado quando da avaliação de um profissional médico, nos casos em que a tosse está limitando a vida da pessoa. 

 

O xarope Expec possui um gosto adocicado e é muito bem aceito entre as crianças.

Qual o mecanismo de ação de Expec?

Expec é um medicamento antitussígeno e expectorante, resultante da associação da oxomemazina, anti-histamínico de síntese, dotado de propriedades antitussígenas e sedativas; guaifenesina, antisséptico das vias respiratórias e expectorante; benzoato de sódio, fluidificante das secreções brônquicas e expectorante.

 

Ele possui contraindicações e riscos?

Esse medicamento é contraindicado para pessoas sensíveis aos componentes da fórmula, ao iodo ou que apresentam insuficiência respiratória, qualquer que seja o grau, afecções hepáticas e renais graves. Além disso, não deve ser usado em menores de 2 anos.

 

Este medicamento é contraindicado para menores de 2 anos.

Quais as precauções e advertências que devo ter antes de tomar Expec?

Antes do início do tratamento com Expec, é conveniente que as causas da tosse sejam investigadas para identificar aquelas que requerem tratamento etiológico próprio, principalmente asma, câncer, afecções endobrônquicas, entre outras. 

 

Caso a tosse persistir após a administração do medicamento em doses usuais, não é recomendado que se aumente a posologia, mas que se faça uma revisão da situação clínica.

Interações medicamentosas de Expec

Expec pode potencializar os depressores do SNC, bem como os atropínicos centrais, quando em associação com outras substâncias anticolinérgicas (outros anti-histamínicos, depressores imipramínicos, neurolépticos fenotiazínicos, antiparkinsonianos anticolinérgicos, antiespasmódicos atropínicos e disopiramida).

 

O uso concomitante com diuréticos poupadores de potássio podem levar à hiperpotassemia (hipercalemia) e arritmias cardíacas.

Como é o uso na gravidez e amamentação?

Gravidez: a inocuidade de EXPEC durante a gravidez ainda não foi estabelecida. Portanto, recomenda-se que a sua utilização somente seja feita após avaliação da relação risco-benefício.

 

Informe ao seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informe ao médico se está amamentando.

 

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

 

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para sua saúde.

Armazenamento, data de fabricação, prazo de validade e aspecto físico de Expec

Antes de usar, observe o aspecto do medicamento. Caso esteja no prazo de validade e note alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo. A caixa com o medicamento deve ser conservada em temperatura ambiente (entre 15 e 30°C), protegido da luz e umidade.

 

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.

 

Como devo usar este medicamento?

Posologia, dosagem e instruções de uso de Expec

 

As instruções de uso são:

 

Adulto: tomar 5mL 6 vezes ao dia.

Crianças de 2 a 6 anos: tomar 5mL de 3 a 4 vezes ao dia.

Crianças de 6 a 12 anos: tomar 5mL de 4 a 6 vezes ao dia.

 

Siga corretamente o modo de usar.

 

Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação de seu médico ou cirurgião-dentista.

O que devo fazer quando esquecer de usar este medicamento?

Tome a dose assim que se lembrar dela. Entretanto, se estiver próximo o horário da dose seguinte, salte a dose esquecida e continue o tratamento conforme prescrito. Não utilize o dobro da dose para compensar uma dose esquecida.

 

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico, ou cirurgião-dentista.

Quais os males que este medicamento pode me causar?

Reações adversas de Expec

Como no consumo de qualquer outro medicamento, o uso do expec pode apresentar reações indesejáveis. Os efeitos mais comuns da droga são sonolência, dor de cabeça, boca seca, retenção urinária e constipação. Informe o seu médico caso apresente reações indesejáveis pelo uso do medicamento.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

O que fazer se alguém usar uma quantidade maior do que a indicada deste medicamento?

Superdosagem de Expec

Devido à presença da oxomemazina, o quadro pode ser caracterizado por depressão e coma. O tratamento é sintomático e, eventualmente, pode ser necessária respiração assistida ou artificial e anticonvulsivantes.

 

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações.

 

Devido à presença da oxomemazina, o quadro pode ser caracterizado por depressão e coma. O tratamento é sintomático e, eventualmente, pode ser necessária respiração assistida ou artificial e anticonvulsivantes.

Hedra Expec

Hedera helix L.

Não contém açúcar e corante.

Apresentação do Hedra Expec

Xarope com 100mL e 200mL.

 

Uso adulto e pediátrico.

 

Uso oral.

Hedra Expec, para o que é indicado e para o que serve?

Indicado para o tratamento sintomático de afecções broncopulmonares inflamatórias agudas e crônicas, com aumento de secreções e/ou broncoespasmo associado.

Quais as contraindicações do Hedra Expec?

Não deve ser usado em casos de hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula.

Como usar o Hedra Expec?

Lactentes e crianças até sete anos

2,5 mL, 3x ao dia.

Criança acima de sete anos

5 mL, 3x ao dia.

Adultos

7,5 mL, 3x ao dia.

 

A duração do tratamento depende do tipo e da severidade do quadro clínico.

 

O tratamento deve durar o mínimo de uma semana em casos de inflamações menores do trato respiratório, devendo ser mantido durante dois a três dias após a diminuição dos sintomas, de forma a assegurar a manutenção da eficácia.

Quais cuidados devo ter ao usar o Hedra Expec?

Hedra Expec não deve ser indicado como medicação antiasmática única, embora possa ser coadjuvante nestes casos.

 

Hedra Expec contém em sua fórmula sorbitol, que é metabolizado no organismo em frutose, sendo conveniente avaliar sua indicação a pacientes com intolerância a esta substância.

 

Em caso de mal estar persistente ou aparecimento de insuficiência respiratória, febre, expectoração purulenta ou com sangue, recomenda-se uma avaliação específica.

 

Apesar de não terem sido realizados estudos específicos sobre os efeitos do produto na capacidade de dirigir e usar máquinas, não foi observada nos outros estudos conduzidos com Hedera helix L., qualquer alteração que exija restrição das atividades relacionadas a dirigir e/ou usar máquinas.

 

Hedra Expec é um medicamento. Seu uso pode trazer riscos. Procure o médico e o farmacêutico. 

 

Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado.

Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Hedra Expec?

Hedra Expec pode provocar um ligeiro efeito laxante, provavelmente vinculado à presença de sorbitol em sua fórmula.

 

Não há evidências de riscos à saúde ou reações adversas após o uso das doses recomendadas, entretanto existe um potencial moderado, em indivíduos predispostos, para sensibilização por contato cutâneo.

Interação medicamentosa: quais os efeitos de tomar Hedra Expec com outros remédios?

Não são conhecidos efeitos adversos quando o paciente usa simultaneamente Hedera helix (substância ativa) com outros medicamentos. De qualquer maneira, o médico deverá ser informado sobre o uso de medicamentos concomitantemente.

Características Farmacológicas

Hedera helix (substância ativa) contém em sua formulação o extrato seco de folhas de Hedera helix (substância ativa), extraído após tratamento com etanol a 30%, (não presente no produto final). 

 

O componente do vegetal (folhas de hera) que fornecem o valor terapêutico da droga é, principalmente, o bisdesmosídeo saponina, do grupo de glicosídeos triterpenos, cujo principal representante em termos qualitativos é a hederasaponina C (hederacosídeo C). O efeito terapêutico de Hedera helix (substância ativa) nas doenças das vias aéreas deve-se às saponinas, particularmente a alfa hederina, que possui ação mucolítica.

 

Tanto Expec quanto Hedra Expec são distribuídos pelo laboratório Legrand Pharma. Expec, está registrado na ANVISA, na classe terapêutica de medicamentos expectorantes balsâmicos e mucolíticos. E Hedra Expec, na classe terapêutica dos fitoterápicos simples expectorantes.

Onde comprar?

Você pode comprar tanto o Hedra Expec quanto o Expec nas farmácias e drogarias da sua região. Para comparar o melhor preço e melhor condição de entrega, acesse nosso buscador Cliquefarma de maneira prática e rápida, sem sair de casa! 

 

Você faz uso de um dos xaropes Expec também? Conte-nos suas experiências nos comentários abaixo. Sua opinião é importante para nós.