antigripais

Antigripais: como funcionam no nosso organismo?

09/07/2021 0 Por cliquefarma

Sensação de cansaço, mal-estar, coriza e dor de cabeça. Esses são apenas alguns sintomas de gripe e do  resfriado. Podemos arriscar a dizer que todo mundo pelo menos uma vez na vida já se sentiu assim! Esses sintomas não são nada agradáveis e ao começar a sentir, rapidamente buscamos uma solução. Entre as muitas opções que existem para lidar com esses sintomas, estão os medicamentos antigripais.

Ninguém quer ficar em casa sentindo-se infeliz com um resfriado ou gripe. Muitos adultos vão ao médico em busca de uma cura, ou pelo menos algum remédio que os impeça, ou a seus filhos, de faltar ao trabalho ou à escola e muitas vezes os antigripais são os remédios indicados para lidar com essas condições.

Remédios para gripe e resfriado de venda livre contêm 1 ou mais ingredientes usados ​​para diminuir os sintomas de gripe e resfriado. 

Remédios antigripais podem ter qualquer combinação de remédio para tosse, anti-histamínico, descongestionante e remédio para dor. Os anti-histamínicos podem ajudar a reduzir coriza e espirros. Os descongestionantes podem ajudar a reduzir a congestão nasal (entupimento). Os medicamentos para a dor também ajudam a diminuir a febre.

Embora esses remédios possam ser muito úteis para tratar os sintomas da gripe, eles fazem apenas isso, tratam os sintomas. Por esse motivo é importante consultar um médico caso os sintomas venham a persistir, pois isso pode indicar algum problema mais sério que precisa ser analisado por um médico.

Neste artigo vamos entrar no universo dos antigripais e conhecer tudo a respeito desse medicamento. Além disso, vamos conhecer mais desses problemas comuns que são a gripe, o resfriado e suas diferenças.

antigripais

Gripe

A gripe é uma doença comum no inverno, causada por um vírus. A maioria das pessoas que contraem se recuperam sozinhas, mesmo sem tratamento. Mas a recuperação geralmente leva dias ou semanas e, durante esse tempo, você pode se sentir muito mal.

A gripe é uma infecção viral. As pessoas costumam usar o termo “gripe” para descrever qualquer tipo de doença leve, como um resfriado ou um vírus estomacal, que tenha sintomas como a gripe. Mas a verdadeira gripe é diferente. Os sintomas da gripe geralmente são piores do que um resfriado e duram mais.

A maioria dos surtos de gripe ocorrem no final do outono e no inverno. Como os sintomas podem demorar alguns dias, você pode passar a gripe para alguém antes de saber que está com ela.

A gripe é geralmente causada pelos vírus influenza A e B. Existem diferentes cepas do vírus da gripe a cada ano.

Sintomas de gripe

A gripe causa febre, dores no corpo, dor de cabeça, tosse seca e garganta seca ou inflamada. Você provavelmente se sentirá cansado e com menos fome do que o normal. Os sintomas geralmente são os piores nos primeiros 3 ou 4 dias. Mas pode levar de 1 a 2 semanas para ficar completamente melhor.

Geralmente, leva de 1 a 4 dias para começar a apresentar sintomas da gripe depois de você ter estado perto de alguém com o vírus.

A maioria das pessoas melhora sem problemas. Mas às vezes a gripe pode causar uma infecção bacteriana, como uma infecção no ouvido, uma infecção nos seios da face ou bronquite. Com menos frequência, a gripe pode causar um problema sério, como a pneumonia.

Certas pessoas correm maior risco de contrair gripe. Eles incluem crianças pequenas, mulheres grávidas, adultos mais velhos e pessoas com doenças crônicas ou com sistemas imunológicos debilitados que dificultam o combate às infecções.

Resfriado

Um resfriado é um vírus que infecta o trato respiratório superior (nariz, seios da face, cordas vocais e garganta). Mais de 200 vírus diferentes podem causar um resfriado, mas o rinovírus é o culpado mais comum.

Os resfriados são transmitidos quando você inala um vírus que foi tossido ou espirrado para o ar por uma pessoa infectada ou tem contato pessoal próximo com uma pessoa infectada. Eles também podem ser transmitidos apertando a mão de uma pessoa infectada ou tocando uma superfície infectada e, em seguida, colocando a mão nos olhos, nariz ou boca.

Os resfriados são mais comuns no outono e inverno, mas você pode pegá-los em qualquer época do ano. A cada ano, os adultos têm em média 2 a 3 resfriados e as crianças têm ainda mais.

Assim que o vírus do resfriado entrar em uma de suas células, ele começará a criar cópias de si mesmo que infectarão outras células. Isso pode começar a acontecer dentro de 8 a 10 horas após a infecção inicial. 

Os sintomas podem começar logo depois disso, mas para a maioria das pessoas, os sintomas aparecem 1 a 3 dias após a exposição ao vírus. Isso é diferente da gripe, em que leva de 1 a 7 dias após a infecção inicial do vírus para que os sintomas apareçam. Então, o tempo médio que os sintomas do resfriado duram é de 7 a 10 dias, mas os sintomas podem durar até 3 semanas.

Sintomas de resfriado

Os principais sintomas incluem dor de garganta, nariz entupido, coriza, tosse, desconforto, espirros, febre (mais comum em crianças), dores de cabeça, secreção clara e aquosa pelo nariz (muco) e dores no corpo.

Estágios do resfriado

Resfriados e sintomas de resfriados tendem a seguir uma certa progressão, que é descrita a seguir. Esse é o padrão típico, mas é possível que você experimente o tempo e os estágios de maneira um pouco diferente.

  1. Incubação – depois de ser exposto a um vírus do resfriado, normalmente leva de 1 a 3 dias para você desenvolver os sintomas. No entanto, é possível desenvolver sintomas em 10 a 12 horas após a exposição.
  2.  Pico dos sintomas – O pico dos sintomas de resfriado ocorre em 1 a 3 dias.
  3. Os sintomas se estabilizam e desaparecem – os sintomas do resfriado geralmente duram de 3 a 10 dias. Após 2 ou 3 dias de sintomas, o muco expelido pelo nariz pode mudar para uma cor branca, amarela ou verde. Isso é normal e não significa que você precisa de um antibiótico.
  4. Os sintomas persistentes podem durar até 2 semanas em algumas pessoas, especialmente coriza, nariz entupido e tosse. No entanto, você deve estar se recuperando neste momento, e os sintomas provavelmente não serão tão graves.

Diferenças entre gripe e resfriado

Existem dezenas, possivelmente centenas de palavras para descrever os sintomas físicos que sentimos quando ficamos doentes. E embora nem sempre seja agradável falar sobre eles, esses detalhes incômodos podem ser sinais importantes para detectar a diferença entre um resfriado comum e uma gripe.

É uma tosse seca e sibilante ou um espirro cheio de catarro? Você começou a sentir febre rapidamente ou ao longo de alguns dias? Detectar os sintomas precocemente pode ajudá-lo a tomar as medidas corretas para se recuperar rapidamente – e proteger outras pessoas contra doenças.

Gripe e resfriados são dois vírus contagiosos que compartilham muitos dos mesmos sintomas. Mas como você pode sentir esses sintomas e quão comuns eles são, geralmente é diferente. 

Veja a seguir as principais diferenças entre gripe e resfriados.

Os sintomas da gripe atingem rapidamente

A gripe costuma surpreender você com a rapidez com que os sintomas começam e com a gravidade da doença. Classicamente, a gripe começa com um aparecimento súbito de febre, calafrios, dores musculares, dor de cabeça leve e fadiga. Você pode ter outros sintomas, como coriza e tosse. Você se sente péssimo muito rápido.

O início da gripe geralmente ocorre cerca de um a quatro dias após a infecção e os sintomas geralmente duram de cinco a sete dias. No entanto, a fadiga pode durar mais alguns dias.

Um resfriado, por outro lado, vem gradualmente e vai durar mais tempo. Os germes do resfriado são contagiosos nos primeiros três dias. E embora sua tosse e congestão possam durar até três semanas, outros sintomas de resfriado que duram mais de uma semana, como febre, desconforto no peito ou dor nos seios da face podem ser um sinal de infecção bacteriana ou nos seios da face.

Se você sentir sintomas de longa duração, não os ignore. Fale com um médico. Eles podem ajudar a diagnosticar o problema e recomendar um plano de tratamento.

Resfriados geralmente não vêm com febre significativa

Embora você possa estar um pouco mais quente, os resfriados raramente vêm com uma febre significativa. E embora você ainda possa ter uma gripe sem febre, a gripe normalmente surge alguns dias acima de 37,7 °C.

É provável que a febre da gripe apareça rapidamente. Este é um sintoma de gripe especialmente comum em crianças. Fique de olho nos pequenos e nos idosos, pois estarão mais suscetíveis a complicações. Além disso, continue bebendo líquidos e descanse bastante.

Uma tosse seca indica gripe

Embora a tosse seja um sintoma de resfriado e um sintoma de gripe, o tipo de tosse que você experimenta é muito diferente. A gripe causa uma tosse seca que não produz muco. Uma tosse causada por um resfriado geralmente produz catarro ou muco.

Dor de garganta, espirros ou nariz entupido geralmente indicam resfriado

Se você tiver esses sintomas, provavelmente está resfriado. Embora espirros ou nariz entupido possam acompanhar a gripe, eles são mais comuns durante um resfriado.

A gripe vem com dores musculares

Dores são muito comuns com a gripe, mas raras com um resfriado. Se você estiver com febre e dores generalizadas, é quase certo que seja uma gripe.

Fadiga extrema é um sinal revelador da gripe

Se você estiver se arrastando ou sentindo extrema fadiga, provavelmente é por causa de uma gripe. Às vezes, você continuará se sentindo esgotado por alguns dias, mesmo depois que os outros sintomas da gripe cessarem. Por outro lado, um resfriado raramente o impedirá de realizar suas tarefas diárias.

Todos nós já tivemos resfriados e sabemos que você pode ter febre baixa, dores ou tosse com isso. Mas se você sentir que foi atropelado por um caminhão, é mais provável que esteja gripado.

Diferença da COVID-19 para resfriados e gripes

Em época de pandemia muitas pessoas estão preocupadas com o coronavírus, pois seus sintomas podem se confundir com os de gripe e resfriados.

Como o resfriado comum e a gripe, a COVID-19 é uma doença causada por um vírus que causa sintomas respiratórios. Então, eles compartilham muitos dos mesmos sintomas.

Uma das principais diferenças é o tipo de tosse. Lembre-se de que a tosse do resfriado geralmente produz catarro ou muco. E, embora a COVID-19 e a gripe produzam tosse seca, a tosse da COVID-19 geralmente é persistente e pode deixá-la com falta de ar.

Medicamentos antigripais

Pegar gripe ou resfriado pode ser muito estressante e devastador. Você fica preso na cama por dias com dor de cabeça, dor no corpo, febre, coriza e tosse. Você se sente cansado e sonolento o tempo todo e deseja que haja alguma pílula mágica que possa se livrar de todos esses problemas.

Uma vez que os sintomas que você experimenta costumam ser uma infecção viral, não fará sentido para o médico prescrever um antibiótico. Felizmente, as infecções virais que causam a gripe podem desaparecer por conta própria.

Com a ajuda de medicamentos de venda livre, você pode reduzir os sintomas e diminuir a duração da gripe e do resfriado. Na verdade, muitos desses medicamentos podem ajudá-lo a relaxar, para que você possa ter uma noite de sono melhor e melhorar o sistema imunológico para combater a infecção.

Existe uma variedade de medicamentos antigripais por aí e pode ser difícil descobrir qual é o melhor. Existem opções antigripais de farmácia e naturais. Geralmente os antigripais são uma mistura de várias substâncias que ajudam a diminuir os sintomas da gripe.

O termo antigripal, significa literalmente contra a gripe. E isso é justamente o que esse tipo de medicamento faz, combate os sintomas da gripe e do resfriado. 

Existem muitos desses medicamentos disponíveis para a venda livre, nas farmácias. Mas embora os antigripais sejam vendidos livremente, é importante se atentar a forma correta do seu uso para evitar possíveis efeitos colaterais.

E mesmo sendo um medicamento de venda livre, é importante consultar o seu médico para que ele possa te orientar quanto ao uso dos medicamentos antigripais.

Tipos de medicamentos antigripais

Como mencionado anteriormente existem vários tipos de medicamentos para combater a gripe que são chamados de antigripais. Vamos ver alguns dos mais comuns, bem como conhecer os seus princípios ativos, que são as substâncias de ação desses medicamentos.

antigripais

Antigripais de combinação

Esses são os produtos mais populares na seção de gripes e resfriados. Eles colocam de dois a quatro substâncias em um produto que o ajudam a tomar menos comprimidos ou líquidos por dia. Como há tantos disponíveis, pode ser difícil escolher o certo para você. Também é mais fácil acidentalmente ingerir muitos ingredientes se você estiver usando mais de um remédio de venda livre.

Por exemplo, muitos desses produtos combinados contêm paracetamol. Frequentemente, as pessoas continuarão a usar um comprimido separado de paracetamol enquanto tomam um produto combinado que contém paracetamol e tomam mais do que a quantidade máxima segura por dia (3.000 mg).

Fazer isso pode causar danos ao fígado, então, definitivamente, leia a lista de ingredientes em sua combinação de produtos com muito cuidado. Na dúvida, seu farmacêutico pode ajudar a escolher a melhor opção para você.

Evite a maioria dos medicamentos combinados para a gripe se você tiver pressão alta. Eles tendem a incluir medicamentos que podem aumentar sua pressão arterial. Existem alguns produtos disponíveis que são mais seguros e não devem causar muitos problemas nesse sentido.

Cimegripe

O cimegripe é um dos medicamentos antigripais mais conhecidos para tratar os sintomas da gripe. Ele está entre os medicamentos que possuem substâncias combinadas a fim de tratar vários sintomas com um único comprimido.

Na sua composição o cimegripe contém uma substância chamada de cloridrato de fenilefrina. Essa substância atua no combate às dores e ao desconforto causado pela gripe e pelo resfriado.

Esse medicamento também contém o paracetamol, que é a substância que combate as dores e também a febre que a gripe e o resfriado podem causar.

Além disso, o cimegripe contém o maleato de clorfeniramina, que é um anti-histamínico. O anti-histamínico ajuda a combater os sintomas de coriza e congestão nasal, além de tosse e espirro.

Benegrip

O benegrip também é um antigripal composto. Ou seja, ele contém várias substâncias diferentes que atuam no combate aos sintomas da gripe e do resfriado.

Esse medicamento possui apenas dois princípios ativos, que são a dipirona monoidratada e o maleato de clorfeniramina. 

A dipirona monoidratada é uma substância analgésica e antitérmica. Isso significa que ela atua combatendo dores e febres causadas pelo vírus da gripe e do resfriado.

Já o maleato de clorfeniramina, é um anti-histamínico que combate a tosse, a coriza, e a congestão nasal e os espirros.

Essa é uma marca de antigripal mais famosa atualmente, mas fique atento a marcas famosas, pois elas também podem ser as mais caras.

Coristina D

A coristina D também é um antigripal composto muito conhecido. Esse medicamento contém substâncias que ajudam a combater os sintomas causados pela gripe e pelo resfriado.

Esse antigripal possui 4 substâncias que agem diretamente nos sintomas da gripe. Essas substâncias são o ácido acetilsalicílico, o cloridrato de fenilefrina, o maleato dexclorfeniramina e a cafeína.

 O ácido acetilsalicílico é a substância da famosa aspirina, que auxilia no combate à febre e às dores causadas pela gripe e pelo resfriado.

O cloridrato de fenilefrina age contra as dores e atua também como relaxante muscular.

O maleato dexclorfeniramina e o anti-histamínico desse medicamento, que como sabemos age contra a tosse, coriza, congestão nasal e espirros.

A cafeína nesse medicamento ajuda no combate ao sono que o anti-histamínico pode causar.

Oseltamivir

O oseltamivir é um medicamento antiviral e antigripal que trata tanto a influenza A quanto a influenza B, os dois principais tipos de vírus que causam a gripe. Especificamente, é usado para tratar casos de gripe não complicados em adultos, adolescentes, crianças e bebês com mais de 2 semanas de idade que não apresentam sintomas de gripe por mais de 48 horas.

Para pessoas que estão hospitalizadas, o oseltamivir pode ser usado para tratar a gripe, mesmo que tenham os sintomas por mais de 48 horas.

Além de tratar a gripe, o oseltamivir também pode ser usado para profilaxia, o que significa que pode ajudar a evitar que você pegue a gripe após ter sido exposto a alguém que a tenha. Pessoas com mais de 1 ano de idade podem tomar oseltamivir para essa finalidade. 

Mas, na maioria dos casos, a profilaxia com oseltamivir é usada apenas para aqueles que estão sob alto risco de complicações da gripe ou que estão internados em um ambiente de saúde – como um hospital ou casa de repouso – durante um surto de gripe.

Como o oseltamivir ajuda a tratar a gripe

Se você está gripado e está se perguntando se o oseltamivir pode ajudar, é importante entender exatamente quais benefícios esse medicamento pode oferecer.

O oseltamivir não elimina a gripe completa ou instantaneamente. Em vez disso, diminui a gravidade dos sintomas da gripe e pode encurtar a doença em 1 a 2 dias. Alguns dias podem não parecer muito, mas se você estiver gripado, pode esperar um alívio precoce. E em pessoas com mais de 65 anos de idade com doenças crônicas, o oseltamivir pode até reduzir de 2 a 3 dias o tempo de recuperação.

Reduzir o tempo de recuperação, mesmo em alguns dias, não é apenas conveniente; também é importante por motivos de saúde. Quanto mais cedo o sistema imunológico se recuperar da gripe, menor será a chance de você desenvolver complicações mais sérias da gripe, como pneumonia.

Isso é especialmente importante para adultos mais velhos e outras pessoas que são mais propensas a complicações da gripe que podem resultar em hospitalização ou morte. O tratamento precoce com oseltamivir também pode encurtar o tempo de hospitalização e reduzir o risco de morte por gripe, de acordo com alguns estudos.

Fatos sobre medicamentos antigripais

Milhões de pessoas em todo o mundo recorrem aos remédios antigripais a fim de amenizar os sintomas causados pela gripe e resfriado. Mas há alguns fatos importantes que você precisa saber sobre esses medicamentos.

Eles não são uma cura

Remédios antigripais podem fazer você se sentir melhor quando está fungando e com dores. Eles também podem ajudá-lo a dormir ou a voltar às suas atividades normais. No entanto, eles não podem matar o vírus do resfriado ou da gripe e ajudá-lo a se recuperar mais rapidamente.

Eles tratam muitos sintomas

Os descongestionantes abrem o nariz entupido, enquanto os expectorantes soltam o muco na parte inferior do peito. Os antitussígenos bloqueiam o reflexo da tosse. Os anti-histamínicos aliviam a coriza e os espirros, enquanto os analgésicos tratam a febre e as dores. Frequentemente, um produto contém muitos desses ingredientes. Seja seletivo ao escolher remédios que visem especificamente seus sintomas.

Crianças pequenas não devem tomá-los

Especialistas alertam contra a administração de remédios antigripais compostos – mesmo fórmulas infantis – para crianças de até 4 anos. Os efeitos colaterais prejudiciais podem incluir aumento da frequência cardíaca, perda de consciência e até morte. Experimente vaporizadores, colírios de soro fisiológico ou uma bomba de sucção de borracha para aliviar o nariz entupido das crianças.

Fique alerta para efeitos colaterais

Como todos os medicamentos, os tratamentos antigripais afetam todas as pessoas de maneira diferente. Muitas pessoas podem sentir efeitos colaterais. As queixas comuns incluem dores de cabeça, dor de estômago, insônia, boca seca, dor abdominal, tontura e sonolência.

Use apenas o que você precisa

Sempre tome remédios para gripe e resfriado exatamente como recomendado. Não use mais na esperança de um alívio mais rápido ou maior e não tome medicamentos que tratem os sintomas que você não tem. Em alguns casos, os medicamentos tomados para um sintoma podem piorar outro sintoma. Por exemplo, os efeitos secantes dos anti-histamínicos muitas vezes podem piorar a tosse.

antigripais

Soluções naturais para a gripe e resfriado

Algumas pessoas preferem não tomar substâncias químicas como medicamentos, por isso preferem remédios naturais para lidar com alguns sintomas mais leves. Se você é uma dessas pessoas, ou mesmo que você opte pelos remédios de farmácia, tente aderir a essas soluções naturais junto com seus medicamentos, pois elas podem ajudar bastante a combater os sintomas da gripe e do resfriado.

Chá de gengibre

O chá de gengibre não só tem um gosto bom, mas também ajuda no tratamento do resfriado comum e da tosse. O chá ajuda a combater os sintomas de coriza, expelindo catarro do trato respiratório. Entre os vários benefícios do gengibre para a saúde, ele é conhecido por acalmar o resfriado comum e acelerar o processo de recuperação.

Gargarejo com água salgada

Faça isso assim que começar a se sentir mal! Não só pode ajudar a aliviar a garganta inflamada e arranhada, mas se você voltar aos seus dias de ciências do ensino médio, a água segue o sal, então a ideia é que gargarejar água salgada na verdade retira fluidos virais da área da garganta.

Use 1/4 a 1/2 colher de chá de sal dissolvido em um copo de 8 de água morna e gargareje tudo 1 a 2 vezes ao dia.

Vitamina C

Embora a vitamina C não tenha provado prevenir os sintomas do resfriado, alguns estudos indicaram que ela pode encurtar a vida útil de um resfriado. Além disso, melhora sua saúde geral, incluindo seu sistema imunológico.

Obtenha a vitamina por meio da dieta. Quanto mais fresco for o alimento, melhor. Pense em laranjas, em vez de suco de laranja ou suplementos.

Canja de galinha

Às vezes, a mãe realmente sabe o que é melhor! Líquidos quentes, como sopa, ajudam a reduzir o acúmulo de muco e a mantê-lo hidratado. Um estudo descobriu que a canja de galinha tem propriedades anti-inflamatórias, que ajudam a reduzir os desagradáveis ​​efeitos colaterais do resfriado.

Pimenta preta

Este tempero provavelmente está bem na mesa da sua cozinha. Na China, onde a pimenta-do-reino é conhecida como “hu jiao”, a erva é popular para aliviar o catarro de um resfriado, então adicione-a ao seu caldo de osso para clima frio e aproveite os benefícios.

Alho

As pessoas usam alho para a saúde e a cura há mais de 5.000 anos e com razão. Com benefícios antivirais, anti-inflamatórios e antifúngicos, o alho é um alimento versátil e um remédio natural maravilhoso, então não é surpreendente que pesquisas tenham mostrado que os suplementos de alho podem prevenir um resfriado.

Capim-limão

Tradicionalmente, as pessoas fazem um chá quente com as folhas de capim-limão para o tratamento de febres, tosses e resfriados. Despeje uma xícara de água fervente sobre 5 a 6 folhas frescas ou 1 colher de chá de folhas secas.

Outra maneira de usar esta erva calmante é na banheira. Basta colocar uma fronha de malha cheia de folhas picadas sob a água quente enquanto enche a banheira.

Alecrim

Se você nunca experimentou um óleo essencial para a cura, comece aqui. Respirar o alecrim aromático com vapor alivia muito a congestão nasal e torácica. Além disso, tem um cheiro incrível. Os benefícios de comer alecrim (a planta, não o óleo essencial) também são fantásticos.

Sabugueiro

Outra ótima maneira natural de tratar os sintomas de uma gripe ou resfriado é usando sabugueiro. Um estudo mostrou que o sabugueiro reduz significativamente a duração e a gravidade dos sintomas de resfriado em viajantes de avião intercontinentais.

É bastante fácil preparar uma grande quantidade de xarope de sabugueiro quando você estiver gripado. No entanto, se você não tem tempo ou paciência para isso, também é vendido como xarope, pastilhas e cápsulas.

Abacaxi

Muitos podem não saber, mas beber suco de abacaxi quando está resfriado é um remédio caseiro eficaz. Você pode tomar suco de abacaxi com mel. Tudo o que você precisa fazer é misturar uma colher de sopa de mel em meia xícara de suco de abacaxi quente. Mexa bem e beba.

Onde comprar medicamentos antigripais

Os medicamentos antigripais podem ser de grande ajuda quando usados corretamente. Se atente às instruções do folheto de informações que vem junto com cada medicamento. Além disso, sempre siga as orientações dadas pelo seu médico.

Para encontrar medicamentos de maneira fácil, rápida e com preços acessíveis, use a ferramenta comparativa de preços da cliquefarma.