Fita Dental – Uma ótima opção para você!

27/01/2021 0 Por cliquefarma

Sendo uma ótima opção para substituir o uso do fio dental, ela merece destaque hoje aqui no nosso blog. Estamos falando da fita dental, você conhece? Já fez uso? Pois saiba que ela tem ficado cada vez mais popular nos últimos anos e vamos te explicar certinho tanto como usá-la corretamente quanto qual as diferenças entre ela e o fio dental. Confira agora mesmo!

Fita dental

O que é fita dental?

O fio dental é um item de extrema importância na manutenção da higiene bucal e os dentistas recomendam seu uso diário, ao menos 2 vezes na remoção de resíduos alimentares e bactérias que as cerdas da escova não conseguem alcançar. 

Em meio à essa informação, procuramos nos esforçar para conseguir inserir esse importante hábito em nossa rotina, porque sabemos que a placa bacteriana acumulada em nossa boca pode causar problemas como a cárie e também inflamações sérias, tais como gengivite e periodontite. Porém, pessoas que têm os dentes muito juntos podem ter dificuldades com o uso do fio e até acabar se machucando ao inseri-lo nos espaços interdentais.

É para esse tipo de dentição que foi ganhando mais força com o passar dos anos no mercado, a chamada fita dental. Assunto do nosso artigo de hoje, com ela não se é preciso despender um esforço tão grande para passá-la por entre os dentes, já que a função é a mesma do fio – remover resíduos e placa bacteriana – porém, de maneira mais fácil. Vamos ver a seguir a diferença entre eles então.

Qual as diferenças entre fio e fita dental?

Utilizar o fio dental é tão ou mais importante quanto escovar corretamente os dentes. Podemos limpar os espaços pequenos onde até mesmo as cerdas mais finas e compactas das escovas de dentes não alcançam. Para fazer essa função, nós podemos utilizar tanto o fio quanto a fita dental, ambos cumprem muito bem o papel, porém com uma diferença fundamental entre eles, o formato.

O fio é mais popular e quase todos já conhecemos, ele tem formato cilíndrico e pode ter vários filamentos. Já a fita dental é mais fina e também achatada, dessa forma, ela não afrouxa facilmente e também é mais larga, podendo demorar menos tempo que o fio para retirar toda a sujeira que fica entre os dentes.

Em termos de eficiência em cumprir a função, elas não diferem em nada, ambas são semelhantes e cumprem bem seu papel. Apenas uma ressalva para pessoas com menos espaço na arcada dentária, com dentes “encavalados” – quando um dente é bem em cima do outro -, os dentistas recomendam nesses casos utilizarem o fio. 

Se você tem dúvidas sobre qual o mais indicado para o seu caso específico, existem duas opções: pode tentar experimentar o fio e a fita para ver com qual se adapta melhor, ou então procurar a orientação de um dentista para ele te ajudar a escolher com base no formato dos seus dentes.

É preciso que se use de maneira correta, independente de qual opção você tenha escolhido. O fio ou a fita dental não podem ficar machucando a gengiva e os movimentos devem ser feitos de maneira delicada, sem muitos impactos, sendo mexidos de cima para baixo e depois de uma lado para o outro.

Se tiver escolhido a fita dental e perceber que há alguns lugares em sua arcada que são mais apertados do que outros, você pode transformá-la em fio por tracionar as pontas quando ela estiver inserida. Dentistas ensinam esse truque para você não precisar ter as duas versões em casa quando já tiver optado por uma. 

Fita dental: Por que devo utilizar periodicamente?

Agora que você escolheu a fita dental, vamos contar porque o seu uso diário é tão importante. Confira só:

Escovar os dentes é de extrema importância para limpar as impurezas, porém, apenas a escova e o creme dental não são suficientes. A escovação não atinge todas as áreas necessárias para a eliminação das bactérias e resíduos, como os minúsculos espaços entre a gengiva e os dentes, por exemplo, chamadas de sulcos gengivais e é aí que a fita dental entra!

Como nossa boca é porta de entrada para milhares (e posteriormente, milhões!) de bactérias, elas se alimentam dos restos de comida que acabam se inserindo nos pequenos espaços que nós temos entre os dentes. E estes micro-organismos vão produzindo, ácidos, toxinas, corroendo os dentes, dando origem à cáries e até inflamações, como a gengivite.

Fazendo uso periódico da sua fita dental, você evita que essas bactérias se proliferem na sua boca e com isso, se multipliquem cada vez mais e deem origem a todos esses problemas que citamos acima. Ela vai evitar tanto a cárie quanto inflamações que podem levar a doenças sérias periodontais, também a sangramento, dor e inchaço.

Vale ressaltar que pessoas diabéticas (com a doença não controlada) e fumantes estão mais suscetíveis às ações da placa bacteriana, por isso devem tomar um cuidado ainda maior com isso, apesar do hábito ser importante para todas as pessoas de maneira geral.

Maneira correta de utilizar a fita dental

Neste tópico, vamos explicar o passo a passo de como utilizar da maneira correta a fita dental, apesar de simples, talvez algumas pessoas tenham dificuldade na maneira de segurar, ou mesmo de inseri-la por entre os dentes. Com esse passo a passo, você consegue tirar todas as suas dúvidas e fazer a higiene da sua boca corretamente para não correr perigo nenhum. Confira já!

  1. você pode enrolar aproximadamente 40 cm da fita dental em cada dedo médio, por exemplo, para que sobre 10 cm esticados;
  2. agora você irá deslizar a fita entre os dedos indicador e polegar das duas mãos, começando a higienizar a região dos espaços interdentais (espaço entre os dentes);
  3. agora com cuidado, você vai fazer a higienização sem movimentos bruscos na base dos dentes, região dos sulcos gengivais – espaço entre a gengiva e os dentes;
  4. por último, você vai retirar com cuidado a fita do espaço fazendo movimentos de trás para a frente.

Após realizar esse procedimento, seus dentes estão preparados para receber a escovação. Lembrando que é necessário escovar seus dentes após as refeições, ou seja, no mínimo 3 vezes ao dia. E não se esqueça que esse passo a passo deve virar um hábito diário para não comprometer o equilíbrio da sua saúde oral.

Muitas pessoas também não sabem muito bem nem mesmo como escovar seus dentes corretamente, ou não fazem o suficiente ou fazem movimentos errados e acabam por não eliminar corretamente os micro-organismos responsáveis por causar a placa bacteriana. Para uma boa escovação é necessário que você comece do fundo da arcada, na parte mais próxima da bochecha, pode ser na parte superior, por exemplo. 

Depois repita a mesma coisa, do mesmo lado na arcada inferior, higienizando toda a parte interna e externa da dentição. Para só então vir fazendo a limpeza para os dentes do centro da boca, seguindo a ordem que começou, primeiro os superiores e depois os inferiores.

Não se esqueça de finalizar a escovação higienizando a língua, pois ela também acumula diversas bactérias nocivas à saúde bucal.

Quais os benefícios de se usar a fita dental?

Podemos comparar a fita dental a um amigo que ajuda você com um abraço e um olhar carinhoso quando precisa de atenção. Pelo fato de estar mais perto do problema, é ela que cai encontrar com mais rapidez caso haja algo errado.

É por isso que podemos afirmar que a significativa redução de bactérias que provocam doenças e a prevenção de cáries e gengivite são os principais benefícios que o uso regular da fita dental proporciona para a saúde da sua boca!

Aliado ao uso da escova de dentes e do creme dental, os tipos de micro-organismos são diminuídos consideravelmente e se você complementar o ritual com um enxaguante bucal refrescante, com certeza estará contribuindo para que seus dentes tenham uma saúde bucal muito melhor!

A sensação de boca limpa é muito boa! Você sente os dentes lisos e sente que está cuidando bem deles fazendo isso, a vontade de sorrir será cada vez maior!

Um ponto importante a se lembrar e também para se policiar e ver se está fazendo direito é perceber se a fita dental está causando alguma dor ou incômodo quando utilizada. Se estiver, procure descobrir se não está passando com muita força, a ponto de lesionar a gengiva ou de forma errada, o que não pode acontecer.

Só lembrando que nem o fio e nem a fita dental devem causar incômodo durante o uso. Se estiver sentindo isso, vale avaliar se o uso não está sendo feito de modo incorreto. E também não se deve usar com muita força para não correr o risco de machucar a gengiva.

Assim como o fio dental, é muito importante que você conserve a fita dental em sua embalagem original e nunca fora dela, como em cima da pia, pois pode molhar e contaminá-la, o que aumenta a proliferação de bactérias. Mantê-la em um local livre da luz e arejado vai ajudá-la a conservar-se por mais tempo. 

Fita dental

Prós da fita dental

  • Higiene bucal mais completa.
  • Detecção precoce de algum problema bucal.
  • Redução significativa do número de bactérias causadoras de cárie e doenças.
  • Prevenção de inflamações como a gengivite.
  • Boca mais limpa e sensação de refrescância por mais tempo.

Possível contra

  • Cuidado maior quando usar para não ferir a gengiva.

Quais sintomas a fita dental pode ajudar a notar?

Mesmo que você tenha escolhido usar algum outro tipo de fio dental que não seja a fita, pode ser que utilizando todos os dias como parte do seu hábito de manutenção de limpeza oral, note algumas alterações de maneira precoce. O que de certa forma seja até um bom sinal. Se sentir qualquer um dos sinais citados abaixo, agende um dentista imediatamente:

  • Gengiva afastada dos dentes
  • Sangramento na gengiva só com escovação ou encostando a fita dental
  • Gengivas avermelhadas, inchadas e doloridas, com aspecto de inflamação;
  • Sensibilidade maior, tanto nos dentes quanto nas gengivas;
  • Dentes desalinhados, mostrando alterações;
  • Dentes com secreções ao redor;
  • Frouxidão nos dentes, como se fossem cair;
  • Mau hálito;

Algumas marcas de fita dental para inspirar você

Powerdent – Fita Dental Classic Floss

A fita dental desta marca é bastante longa, com um comprimento de 90 metros, ideal para ser usada pela família toda. O melhor dela é o custo-benefício, ideal para quem gostaria de testar a versão em fita pela primeira vez, mas não quer investir tanto por não ter certeza que esse é o tipo ideal ainda!

Ela ainda tem um gostoso saborzinho refrescante de menta, para dar aquela sensação de refrescância prolongada que a gente adora e também é encerada, o que facilita na hora de deslizá-la por entre os dentes, sem correr o risco de lesionar a gengiva e retirar os restos de alimento mais tranquilamente para fora dela.

Oral B – Fita Dental Satin Tape

A Oral B é uma das marcas mais conceituadas no mercado de saúde bucal e essa fita dental é um super sucesso que traz um diferencial com um filamento de nylon encerado de 34 fios, o que garante uma estrutura mais resistente contra o rompimento. 

Ela não desfia fácil e passa facilmente nos espaços dos dentes pela gengiva, ideal para quem tem os dentes extremamente juntinhos! Também garante um saborzinho refrescante de menta e é muito eficaz para remover as placas bacterianas.

Sanifill – Fita Dental Sabor Menta

O ponto mais forte dessa fita dental é o sabor marcante de menta que deixa a refrescância em evidência para o seu hálito permanecer fresco por mais tempo após a higienização. Ela também é bastante resistente, difícil de desfiar e tem ótima espessura, para alcançar os lugares mais dificultosos onde a escova não chega.

Dentil – Fita Dental Super Premium

Essa fita dental da Dentil foi desenvolvida em textura suave e para deslizar suavemente de modo a não desfiar rápido. Apesar de ter o comprimento de apenas 25 m, é a fita ideal para carregar com você e usá-la nos lugares quando for comer fora de casa e não quiser pular a rotina de higienização após as refeições. 

Também possui agradável sabor e cheirinho de menta, então a sensação de hálito fresco se prolonga por mais tempo além da sensação de limpeza que fica!  

O Conselho Federal de Odontologia aponta que uma média de apenas 57% dos brasileiros utilizam fio ou fita dental diariamente, o que é uma porcentagem extremamente baixa, dada a importância que esse hábito representa para a saúde da boca de uma maneira geral! 

Por isso, se você está dentro dessa estatística, parabéns e continue fazendo a sua parte para continuar mantendo uma boca limpa e um sorriso saudável! Compre a melhor fita dental para você e cuide da sua saúde!

Fita dental

Onde comprar?

Agora que você conhece um pouco mais sobre esse fantástico produto, é só pesquisar por preço de fita dental aqui no Cliquefarma. Nosso buscador e comparador de preços vai te ajudar a encontrar a melhor oferta na farmácia ou drogaria aí da sua região com apenas um clique! Confira agora mesmo e depois comente conosco qual você escolheu que nós queremos saber!