Mordedor – Cuidando da gengiva do bebe

16/04/2021 0 Por cliquefarma

Com certeza você já viu um bebê que fica com a mão constantemente na boca, não é mesmo? Isso pode ser sinal de que os primeiros dentinhos estão começando a nascer e, por isso, deixam a gengiva sensível e causam um grande desconforto para eles, podendo até causar febre. Sendo assim é recomendado o uso de mordedor

Ele é um objeto resistente e macio que vai ajudar o bebê a massagear e coçar a boca, aliviando a dor e facilitando o aparecimento dos dentes. Se você quer saber mais sobre esse produto, fique conosco, pois vamos explicar tudo sobre ele, quais os seus tipos e todos os benefícios que ele traz, acompanhe!

Mordedor - Cuidando da gengiva do bebe

O que é

Mordedor é um acessório muito usado na fase de desenvolvimento inicial dos bebês, quando os dentes de leite começam a nascer, isso porque, esse fenômeno causa muita dor e coceira e eles precisam de algum objeto para massagear a gengiva. 

Dessa forma, eles são vendidos de acordo com a faixa etária, sendo no tamanho e formato apropriado para cada uma. Eles devem ser fabricados com materiais resistentes e macios e que não causem alergias. 

Os mordedores devem ter selo de garantia e de aprovação do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), já que ele é responsável por testar a qualidade e segurança desses produtos. 

Por isso, é extremamente importante comprar um mordedor que ofereça maior tranquilidade para as mães e os pais da criança , porque qualquer parte que seja tóxica ou que se solte do produto pode ser muito perigoso para a criança. 

Esse tipo de produto pode ser encontrado com várias texturas e cores diferentes, alguns possuem efeitos refrescantes, cheiro e sabor, tudo para melhor contribuir para o desenvolvimento da criança. Eles também podem ser refrigerados, pois quando estão gelados, melhor funcionam para o alívio da dor. 

Para que serve

Quando os dentinhos do seu filho começarem a nascer, talvez seja uma preocupação a mais, isso porque essa fase pode causar dores, diarréias e febre no bebê, além de deixá-lo muito irritado. 

Para amenizar esse problema e facilitar o nascimentos dos dentinhos, o ideal é dar um mordedor para o bebê poder massagear e coçar a gengiva e para aliviar a dor que essa fase de desenvolvimento pode causar. 

É importante lembrar que esse objetos devem ser muito bem limpos e higienizados para que não ofereça nenhum problema para a saúde do bebê, com isso, após o uso, é só lavar com água e sabão e deixar bem guardado até o próximo uso, evitando, assim, algum tipo de contaminação. 

No caso de os cuidados básicos e o mordedor não forem suficientes para aliviar a dor do bebê, será necessário procurar o médico pediatra para que ele avalie o caso e recomende o melhor tratamento para essa fase. 

Benefícios

A fase de crescimento dos bebês e o aparecimentos dos primeiros dentinhos é sempre um problema e causa muita preocupação nos pais, isso porque, eles começam a rasgar a gengiva, causando muita dor e coceira, deixando a região sensível, deixando as crianças com uma necessidade imensa de morder alguma coisa. 

Por isso, o mordedor é um ótimo aliado do bebê nessa fase, pois permite que ele coce e massageie a gengiva, dando um alívio imediato, já que seus diversos formatos e texturas atuam diretamente para isso. Esse objeto é muito comum e um item essencial nas coisas no bebê. 

Desse modo, os benefícios do mordedor são: 

  • ajudam aliviar o incômodo, a dor e a coceira causada pelo nascimento dos primeiros dentes; 
  • ajudam a rasgar a gengiva para que o dente apareça
  • ajudam a acalmar o bebê;
  • tem fundamental relação com o desenvolvimento da mordida e musculatura do bebê, deixando-o preparado para quando começar a comer alimentos sólidos;
  • ajudam a deixar a criança distraída;
  • ajudam a desenvolver todos os sentidos da criança, ou seja, o tato, paladar, visão, audição e olfato

Antes de comprar um mordedor, se atente ao material de que é feito, se tem selo de garantia e segurança e também faça a sua higienização correta diariamente, para que não haja perigo de causar nenhuma contaminação. 

Qual o melhor

Conforme já foi dito, o mordedor pode ser encontrado em diversos tamanhos, cores e texturas e cada um é indicado para uma faixa etária. Dessa forma, deve ser escolhido aquele que possui um formato alongado que permita alcançar toda a região da gengiva e que seja fácil para a criança segurar. 

Também há a opção de comprar aquele que contém um líquido próprio em seu interior, podendo ser levado à geladeira, conferindo maior refrescância. Importante destacar que esses mordedores devem ser usados quando a criança ainda não tem dente, pois eles podem rasgar o mordedor, fazendo com que a criança engula esse líquido.  

Alguns mordedores já vem com cerdas macias que se assemelham a uma escova de dentes, permitindo com que, além de massagear a gengiva, já faça uma higiene bucal da criança, até porque é bem difícil fazer essa higienização nas crianças muito pequenas. 

Sabendo disso, pesquise e compare preços para saber qual oferece melhor custo-benefício para você e também aquele que melhor satisfaça as necessidades do  bebê e aquele com o qual ele melhor se adapte. 

Mordedor para bebê

Mordedor para bebê é um objeto muito conhecido e comprado pelas mães e papais, para ajudar a criança na fase inicial de desenvolvimento, quando os dentes começam a nascer. Isso é importante, porque essa etapa da vida da criança causa muito desconforto, dor e coceira e ela precisa de algo para massagear e coçar a região dolorida. 

Com esse objetivo, o mordedor foi criado em vários tamanhos, formatos, cores e texturas para melhor satisfazer as necessidades do bebê e ajudá-lo nessa fase. Com esse produto, os bebês conseguem alcançar toda a gengiva e aliviar a dor, bem como facilitar com que ela se rasgue para que o dente nasça. 

Esse é um processo normal e que com alguns cuidados básicos é possível lidar, entretanto, quando tem algum problema na gengiva ou do dente que não está deixando com que ele cresça, será necessário procurar o médico pediatra da criança para que ele a examine e avalie o que está acontecendo, indicando qual será o melhor jeito de tratar. 

O mordedor acompanha a criança desde os primeiros meses de vida, sendo um ótimo aliado para enfrentar essa fase, mas eles devem ser muito bem higienizados e, sempre que possível, trocados para que não haja perigo de nenhuma infecção por microorganismos. 

Luva mordedor

 É fácil perceber quando os dentinhos do bebe vão começar a nascer pelo fato de a criança começar a passar muito tempo com a mão na boca, isso significa que elas estão tentando coçar a gengiva  para aliviar o desconforto.

Foi pensando nisso que os fabricantes desse produto começar a criar um mordedor com formato de mão , como se fosse uma luva que tem nas pontas um material resistente, macio e texturizado que ajuda o bebê a massagear e coçar a região da gengiva

A luva mordedor vem com uma faixa com fechamento em velcro ajustável para evitar que ela caia no chão.  O tecido é respirável, macio e absorve a saliva. Elas são fáceis de limpar e podem até ser lavadas na máquina.  Geralmente são feitas de silicone.

Da mesma forma que qualquer mordedor, a luva mordedor ajuda a desenvolver a musculatura da mastigação do bebê, preparando-o para quando começar a ingerir alimentos sólidos, além de que o distrai. Ajuda a estimular os sentidos do bebê e no processo de aprendizagem e desenvolvimento, já que possui muitas cores. 

Mordedor gelado

O mordedor gelado, geralmente com formato de mãozinha, tem uma textura macia para massagear as gengivas, diminuindo o desconforto causado pelo aparecimento dos primeiros dentinhos. Esse tipo de mordedor contém água em seu interior e quando  resfriado na geladeira,  ele  oferece uma sensação de alívio e refrescância  para o bebê.

Ele pode conter gel em seu interior também, mas esse deve ser evitado quando o dente do bebe já nasceu, pois há uma grande chance de ele rasgar o mordedor e a criança engolir o líquido. Mas de qualquer forma, os mordedores são ótimos aliados para os bebês nessa fase inicial, tanto para aliviar o desconforto, como para ajudar no desenvolvimento da musculatura necessária para a mordida e dos sentidos, pela textura e cores.

Para que o mordedor fique gelado, basta colocá-los na geladeira por 5 minutos, antes de ser oferecido ao bebê, entretanto, não é recomendado que fique mais tempo e nem que seja colocado no congelador, pois poderão machucar a boca da criança. 

Mordedor de dedo

O mordedor de dedo é um produto que os pais colocam no dedo da criança, como se fosse uma capa, uma proteção, geralmente de silicone, para que a criança coloque na coloque na boca para massagear e coçar a gengiva, principalmente na fase de crescimentos dos dentinhos, que causa muito incômodo.

Alguns tipos de mordedor de dedo também possuem cerdas macias que servirão para fazer a higiene bucal na criança enquanto ela morde. E também existem os que são colocados no dedo da mãe ou do pai na hora de fazer essa limpeza bucal. 

O mordedor de dedo também é usado pelas crianças maiores que gostam de chupar o dedo, mas esse hábito não é saudável, nem recomendado pelos dentistas, pois, podem causar alteração na arcada dentária, fazendo com ela tenha que ser corrigida depois. 

Mordedor que faz barulho

Quando a criança está na fase inicial de desenvolvimento, tudo que pode contribuir para os sentidos deve ser usado, ou seja, tudo que tem muitas cores, formatos, texturas e barulhos. E, nesse caso, o mordedor que faz barulho é um objeto completo e que deve ser oferecido à criança. 

Além de sua finalidade principal, que é ajudar o bebê a massagear e coçar a gengiva, região que fica desconfortável e dolorosa quando os dentes estão começando a nascer, ele possui várias cores que faz com que o bebê comece a se familiarizar com o mundo visual, sua texturas ajudam a desenvolver o tato e o barulho do mordedor faz com que o bebê desenvolva melhor a audição. 

Mordedor sensorial

O mordedor sensorial é um produto feito de silicone recomendado para crianças com autismo, necessidades sensoriais, ansiedade, TDAH e com impulso de morder ou mastigar, além de ajudarem elas a se acalmarem. Ele tem uma superfície lisa ideal para a exploração da motora oral. 

Esse mordedor deve ser usado sob a supervisão de um adulto, já que ele é usado para a criança se acalmar, se concentrar e ter mais foco durante as atividades. Ele deve ser higienizado sempre que possível e trocado durante certo período de tempo. 

Mordedor com rede

O mordedor com rede é um produto muito usado pelas mamães e pais que vão começar a introduzir alimentos sólidos na alimentação do bebê. Esse produto, por possuir uma rede, permite com que seja colocado um pedaço de alimento dentro, como uma fruta, por exemplo, fazendo com que o bebê comece a sentir o gosto da comida e ter o primeiro contato com o alimento. 

Esse tipo de objeto permite que o bebê comece a desenvolver sozinho o controle dos alimentos, bem como colocá-los na boca, mastigar e engolir, ao mesmo tempo que está brincando com o mordedor. Esse é um método inovador de introdução alimentar que tem sido muito usado pelos pais. 

Mordedor com gel

O mordedor com gel é um produto inovador que contém gel em seu interior e que pode ir ao refrigerador para que fique refrescante por mais tempo. Esse mordedor é ideal para acalmar e aliviar a coceira na gengiva do bebê quando os dentes estão começando a nascer. Ele possui diversos formatos e texturas, além de ser fácil para o bebe segurar. 

Para que o mordedor fique gelado, basta colocá-los na geladeira por 5 minutos, antes de ser oferecido ao bebê, entretanto, não é recomendado que fique mais tempo e nem que seja colocado no congelador, pois poderão machucar a boca da criança. 

O mordedor com gel é indicado para crianças que ainda não tem nenhum dente, isso porque, o dente pode rasgar ou furar o objeto, fazendo com que esse líquido escape e o bebê engula. Por isso, quando algum dentinho já nasceu, o ideal é o mordedor que contém água dentro. 

Mordedor com cheiro

O mordedor é um objeto muito comprado pelos pais para oferecer ao filho quando eles estão na fase de crescimento da primeira dentição. Esse fenômeno causa muito desconforto, dor e coceira, sendo esse produto ideal para que o bebê possa coçar e massagear toda a região da gengiva dolorida. 

Os mordedores são feitos com diversos tamanhos, formatos, texturas, cores e até barulho, tudo para ajudar o bebê a passar por essa fase e favorecer o desenvolvimento de todos os seus sentidos. Também existe o mordedor com cheiro, um odor leve e delicado que as crianças adoram. 

Esse produto é perfeito para acompanhar a criança na hora do banho na banheira ou na piscina, deixando o momento mais alegre e descontraído, já que eles ajudam a criança a se distrair. 

Mordedor artesanal

O artesanato e os produtos feitos a mão estão cada vez mais ganhando espaço no mercado, isso porque, os artesãos conseguem dar delicadeza e peculiaridade a todos os produtos que eles confeccionam, e claro que não seria diferente com o mordedor. 

O mordedor artesanal é um objeto feito à mão, com tecidos hipoalergênicos e muito bem costurados e laváveis, podendo ser dado para a criança com maior tranquilidade e segurança, além de terem feitos sob medida para você, ou seja, do formato, tamanho, material desejado. 

E, se você faz artesanatos, comece a investir nessa linha de produtos para bebês, pois estão sendo cada vez mais procurados e comprados, permitindo, assim, que você tenha sempre uma renda extra no fim do mês. 

Mordedor que vibra

O mordedor que vibra é um atrativo a mais para os bebês, deixando que eles se distraiam e brinquem por um bom tempo. Quando os mordedores são coloridos, fazem barulhos e tem várias texturas, eles são um produto completo e super indicado para o desenvolvimento da criança, já que contribuem diretamente com todos os sentidos no corpo. 

Quando tem a função que vibra, eles serão excelentes para ajudar na coordenação motora da criança, já que ela terá que saber apertar no lugar certo que o faz vibrar, sendo ótimo para que ela desenvolva bem as funções de segurar, apertar, movimentar. 

Mordedor de berço

Todo mundo sabe que criança adora morder e colocar na boca tudo o que vê pela frente, não é? Isso acontece porque ela começa a descobrir o mundo e perceber as coisas e precisa saber o que é, tendo que colocar na boca, primeiro sentido que ela desenvolve. 

Quando a criança fica no berço, ela também não fica parada e tenta de todas as formas escalá-los para sair e também começam a morder a estrutura do mesmo e como eles são feito de maneira, isso pode acabar machucando a boca no bebê. 

E foi pensando nisso, que começaram a desenvolver mordedor de berço, ou seja, é um produto, geralmente feito de silicone, que serve para revestir todo o berço e, caso a criança queira morder, ela não se machucará. 

Primeira dentição do bebê 

A fase inicial do desenvolvimento oral dos bebês começa com os primeiros dentinhos querendo aparecer e, por isso, causam muito desconforto e dor nas gengivas, momento em que eles usam a mão ou qualquer objeto passa conseguir coçar e tentar aliviar a dor. Desse modo, é interessante dar um mordedor para ele, que vai ajudar nesse processo, além de contribuir para o desenvolvimento de todos os sentidos do seu corpo.

A aparição dos primeiros dentes começam entre os seis e oito meses e se dão na seguinte ordem:

  • Durantes os 6 e 12 meses aparecem os dentes incisivos inferiores;
  • Dos 7 aos 10 meses, os dentes incisivos superiores;
  • Aos 9 e 12 meses, o dentes laterais superiores e inferiores;
  • Dos 12 aos 18 meses, surgem os primeiros molares superiores e inferiores;
  • Dos 18 aos 24 meses, é a vez dos caninos superiores e inferiores;
  • E por fim, dos 24 aos 30 meses, os segundos molares inferiores e superiores.

Esse momento de surgimento dos primeiros dentes podem causar dor, inchaço, febre, irritabilidade, diarréia, aumento da produção de saliva e, apesar de ser normal, é sempre bom levar ao pediatra para que ele examine o bebê e veja se está tudo certo e, caso seja necessário, prescrever alguma medicação.

Para ajudar a aliviar esses sintomas, o ideal é oferecer um mordedor ao bebê, de preferência aqueles que possam ser refrigerados e também pode ser dado alimentos como cenoura e maçã gelados, pois darão a sensação de frescor e ajudarão no alívio da dor. 

Antes de os dentes nascerem, o ideal é usar um mordedor que tenha cerdas macias que ajudam a fazer a limpeza bucal do bebê, e quando nascerem, o ideal é usar uma gaze ou uma escova de dente pequena e macia para fazer essa higienização. 

Perguntas:

Até qual idade é aconselhado o mordedor?

A primeira dentição começa a surgir entre os primeiros seis a oito meses, portanto, nessa fase inicial do desenvolvimento oral do bebê, é importante que ele tenha o mordedor como um aliado para ajudar na dor e na coceira. Até que todos os dentes tenham nascido, a criança já vai ter por volta de 18 (dezoito) meses e o mordedor não será mais necessário.

Depois dessa fase, o bebê começa a se interessar por outros objetos e brinquedos, já que ele terá mais firmeza para segurar as coisas e também não precisa mais ficar mordendo tudo, pois, certamente, já foi introduzido alimentos sólidos na sua alimentação. 

É interessante, também, que as mamães e os papais conversem com o pediatra do bebê para saber o momento certo de dar o mordedor para a criança e quando será o ideal para que ele seja retirado. 

Quando dar mordedor para o bebe?

Conforme já foi observado, quando os bebês começam a colocar frequentemente a mão na boca, quando estiver com excesso de saliva ou, até mesmo, febre, é sinal que os primeiros dentinhos estão querendo nascer  e esse fenômeno causa muita dor e desconforto e eles começar a usar a mão para tentar diminuir essa sensação. 

Por isso, esse é o momento ideal de dar o mordedor para a criança, para que esse objeto ajude ela a massagear e coçar a gengiva dolorida e para dar uma sensação de frescor. Além disso, o mordedor vai ajudar o bebê a desenvolver toda a musculatura necessária para a mastigação, bem como os sentidos do corpo, já que esses produtos são cheio de cores, texturas e barulhos. 

Qual a melhor marca para mordedor?

Antes de comprar um mordedor, deve-se analisar se ele é apropriado para a faixa etária do bebê, qual material ele é feito, se é seguro e se possui o selo do INMETRO. Importante saber que quanto mais texturas e cores melhor é o mordedor, pois além de ajudar com as gengivas ele ainda ajudará com a desenvolver ou outros sentidos da criança.

Sabendo disso, de acordo com alguns especialistas, as melhores marcas de mordedor são:

  • Luva Mordedor Fazendinha, da marca Girotondo Baby;
  • Mordedor centopéia baby, da marca Buba;
  • Mordedor com massageador de gengiva, da marca Buba;
  • Mordedor triângulo, da marca Nuby; 
  • Mordedor infantil raposa, da marca Skip Hop 

Desse modo, é só você escolher aquele melhor tem o custo benefício e aquele que o seu bebê vai gostar mais e pronto! Lembre-se que esse produto precisa de higienização frequente para que não seja um veículo de contaminação para o seu filho. 

Quais as vantagens e desvantagens de usar o mordedor?

As vantagens de dar um mordedor para o seu bebê são:

  • ele ajuda a aliviar o desconforto, a dor e a coceira causada pelo nascimento dos primeiros dentes; 
  • ele ajuda a rasgar a gengiva para que o dente apareça;
  • ele ajuda a tranquilizar e acalmar o bebê;
  • ele tem fundamental importância para o  desenvolvimento da mordida e musculatura do bebê, deixando-o preparado para quando começar a comer alimentos sólidos;
  • ele ajuda a deixar a criança distraída;
  • ele ajuda a desenvolver todos os sentidos da criança, ou seja, o tato, paladar, visão, audição e olfato, por seus mais variados tamanhos, texturas, cheiros, formatos. 

A principal desvantagem de usar o mordedor é que eles precisam ser limpos e higienizados diariamente com água e sabão, para que os vírus e bactérias não contaminem seu bebê, principalmente quando estiverem em algum local público.

Quanto custa um mordedor?

O preço de um mordedor varia de acordo com sua marca, seu modelo e tamanho, mas, normalmente, eles podem custar entre R$30,00 (trinta reais)  e R$100,00 (cem reais), dessa forma, quando você for comprar um mordedor, é bom estar atento com o valor que caiba no seu orçamento. 

Do que é feito mordedor de bebê?

Por seus vários tamanhos, formas e texturas os mordedores podem ser feitos com os mais diversos tipos de materiais como borracha, silicone, madeira, plástico e, os artesanais, podem ser feitos de tecido e de crochê.

 Mas independente do tipo de material, o importante é que eles sejam livres de ftalato e BPA e de alguma tinta que possa ser tóxica. Procure comprar aquele mordedor que possua o selo de qualidade e segurança do Inmetro, já que esses produtos são bastante testados.

Como escolher o melhor mordedor para o meu bebe?

Para escolher o melhor mordedor para o seu bebê,  fique atento para a indicação da faixa etária e se possui selo de qualidade e segurança do Inmetro. Preste atenção no material de que ele é feito e não compre o que possa conter BPA ou ftalato, nem alguma tintura tóxica.

Prefira comprar o mordedor que tenha diferentes texturas e que sejam capazes de atingir toda a gengiva, para que o bebe possa coçar e massagear. Opte, também, por aqueles que possam ser refrigerados, ou seja, o que contém água ou gel em seu interior, porque isso irá oferecer uma sensação de frescor. 

Além disso, compre o mais colorido possível e, se der os que façam barulho, isso irá ajudar a desenvolver todos os sentidos do bebê, além de deixá-los distraídos. 

Onde comprar um mordedor 

No nosso buscador e comparador de preços Cliquefarma, você pode encontrar diversos modelos e tipos desse produto para ajudar o bebê na fase inicial de desenvolvimento. Com apenas um clique, você encontra o melhor preço e a melhor opção de entrega do seu produto. Acesse agora mesmo e adquira o seu! 

E, aí? Gostou do texto? Quer comprar um mordedor para o seu bebê? Não se esqueça de curtir e compartilhar com outras mães e familiares! Também converse com o médico pediatra do seu filho para obter as informações sobre o uso correto desse objeto. E, se restar alguma dúvida, deixe um comentário ou entre em contato conosco!