Para que serve o Chá de Sene?

09/10/2020 0 Por Redação CliqueFarma

Chá de Sene. Você já ouviu falar? O blog hoje te conta tudo sobre ele – para que serve, afinal? Onde comprar? Confira todo o artigo para não perder nada! 

O sene é uma planta medicinal, também conhecida como Sena, Cássia, Cene, Lava-pratos, Mamangá, que é muito utilizada para tratar a prisão de ventre, especialmente devido às suas fortes propriedades laxativas e purgantes.

 

O nome científico desta planta é Senna alexandrina e pode ser encontrada em lojas de produtos naturais e em algumas farmácias de manipulação. Senna alexandrina é um nome moderno que engloba dois nomes antigos do Sene, o Cassia Senna e o Cassia angustifolia.

Para que serve o chá de sene?

O chá de sene possui propriedades laxativas, purgativas, depurativas e vermífugas e, por essa razão é muito utilizado para tratar problemas gastrointestinais, especialmente a prisão de ventre. No entanto, uma vez que deixa as fezes mais moles, também pode ser usado para aliviar o desconforto da defecação em pessoas com fissura anal e hemorroidas.

 

Apesar de seus benefícios, o sene deve ser utilizado com cautela e sob orientação médica, pois seu uso constante pode causar alterações da microbiota intestinal, cólicas muito fortes e até mesmo predispor ao câncer de colo retal.

Como fazer o chá de sene?

Para fazer o chá de sene deve-se dar preferência às folhas verde de sene, pois possuem um efeito mais ativo no organismo, especialmente quando comparadas à sua versão seca. Além disso, quanto mais verde for a folha, mais forte será o efeito.

Ingredientes

  • 1 a 2 g de sopa de folhas de sene;
  • 250 ml de água fervente.

Modo de preparo

Colocar a erva numa panela ou xícara, acrescentar a água e deixar repousar por 5 minutos. Esperar esfriar um pouco, coar e beber 2 a 3 vezes ao dia, sem adicionar açúcar. Este chá só deve ser usado até a melhora dos sintomas de prisão de ventre ou por até 3 dias consecutivos.

 

Embora o chá de sene seja uma opção prática de consumir sene, esta planta também pode ser encontrada sob a forma de cápsulas, que podem ser vendidas em lojas de produtos naturais e algumas farmácias, e que normalmente são ingeridas na quantidade de 1 cápsula de 100 a 300 mg por dia. Mais à frente nós te contamos onde você pode encontrar para comprá-lo.

 

Idealmente, o chá de sene só deve ser utilizado com orientação de um médico, fitoterapeuta ou naturopata e até uma período máximo de 7 a 10 dias consecutivos. Se após esse período, a prisão de ventre se mantiver, é aconselhado consultar um clínico geral ou gastroenterologista.

Chá de sene ajuda a emagrecer?

O chá de sene é muitas vezes utilizado, popularmente, durante processos de emagrecimento. No entanto, essa planta não tem qualquer propriedade que ajude na queima de gorduras, sendo que o seu efeito na diminuição do peso apenas está relacionados com o aumento da frequência de evacuações, além da inibição da absorção de água, o que evita a retenção de líquidos.

 

Como bem sabemos, a melhor forma para emagrecer definitivamente é através de uma alimentação saudável e da prática regular de exercícios. 

Quais os possíveis efeitos colaterais?

O efeito laxante do chá de sene está ligado principalmente à sua capacidade de irritar a mucosa intestinal, o que faz com que os movimentos do intestino sejam mais rápidos, eliminando as fezes. 

 

Por esse motivo, o uso de sene, especialmente por mais de 1 semana, pode trazer vários efeitos colaterais indesejáveis como cólicas, sensação de barriga inchada e aumento da quantidade de gases. 

 

Além disso, algumas pessoas podem ainda apresentar vômitos, diarreia, aumento do fluxo menstrual, hipocalcemia, hipocalemia, má absorção intestinal e diminuição das hemoglobinas no exame de sangue.

Quem não deve usar o chá de sene?

O chá de sene está contraindicado em casos de hipersensibilidade ao sene, gravidez, lactação, em crianças menores de 12 anos, assim como em caso de oclusão intestinal, enterite, apendicite aguda e dor de estômago de causa desconhecida.

 

Além disso, o chá de sene não deve ser consumido por pessoas que estejam tomando remédios para o coração, laxantes, cortisona ou diuréticos e o seu uso não deve ser superior a 10 dias consecutivos, já que pode causar vários efeitos colaterais e aumentar a predisposição ao câncer colorretal. 

 

Por isso, antes de fazer uso do chá de sene, é importante buscar orientação de um médico para evitar as possíveis complicações.

 

Chá de sene para emagrecer: é seguro?

Como vimos até aqui, o chá de sene é um remédio caseiro que é popularmente utilizado por pessoas que querem emagrecer rápido. No entanto, esta planta não tem qualquer influência comprovada sobre o processo de emagrecimento e, por isso, não deve ser usada para esse efeito, especialmente se não existir supervisão por parte de um nutricionista, médico ou naturopata.

 

Para emagrecer, o mais importante é seguir uma dieta equilibrada e orientada por um nutricionista, assim como fazer exercício físico regular. O uso de suplementos também pode acontecer, mas deve ser sempre orientado por um profissional de saúde especialista na área do emagrecimento, que recomende suplementos com efeito comprovado e na dose correta.

Por que o sene é conhecido para emagrecer?

Embora não tenha efeito comprovado para emagrecer, o uso deste chá tornou-se popular por causa de relatos que afirmam que causa uma perda rápida de peso em menos de 24 horas. E de fato, existem pessoas que podem perder peso após seu uso, mas isso não acontece pelo processo de emagrecimento, mas sim pelo esvaziamento do intestino. 

 

Isso acontece porque o chá de sene é uma planta com uma ação laxante muito forte, que faz com que pessoas que sofrem de prisão de ventre consigam eliminar as fezes que foram se acumulando no intestino. Assim, quando a pessoa elimina essas fezes fica mais leve, parecendo ter perdido peso.

 

Além disso, também não é incomum escutar que o nutricionista receitou o uso do chá de sene para emagrecer, mas isso normalmente é feito por um período curto, de até 2 semanas, para limpar o intestino e eliminar toxinas, de forma a preparar o corpo para o novo plano alimentar, sendo que os resultados acabam vindo das alterações na dieta e não do uso do laxante.

Como o sene funciona no intestino?

O chá de sene tem um forte efeito laxante porque a planta é muito rica em senósidos do tipo A e B, substâncias que têm a capacidade de estimular o plexo mioentérico, que é responsável por aumentar a contração do intestino, empurrando as fezes para fora.

Além disso, o chá de sene também tem uma boa quantidade de mucilagens, que acabam absorvendo a água do organismo, o que torna as fezes mais moles e fáceis de eliminar.

Algumas perguntas e respostas sobre o chá de sene respondidas pelas especialistas Lívia Salustiano, nutricionista, e Lara Assade, nutróloga, para entender os efeitos do composto no organismo.

Quais são os efeitos do composto do chá de sene no organismo?

A planta possui ação antifúngica e antibacteriana, além do efeito laxativo. É por essa razão que ela é comumente utilizada como tratamento de problemas gastrointestinais.

Quais são os perigos do uso contínuo do chá de sene?

O uso prolongado desse tipo de substância tem efeitos seríssimos para o organismo. Apesar de “soltar” o intestino, o chá age apenas no intestino grosso. Com isso, ele destrói as vilosidades intestinais, que são responsáveis por aumentar a absorção de nutrientes durante a nossa digestão, e, a longo prazo, também destrói os plexos neurais do intestino.

 

Além disso, ele causa inflamação em nível renal e induz inflamações generalizadas no intestino. Ou seja, o uso recorrente do chá de sene tem o efeito reverso, já que o intestino pode se tornar dependente dessas substâncias e sem elas não ter seu funcionamento normal.

 

De acordo com as especialistas, o composto também não deve ser usado por crianças, pois pode causar distúrbios intestinais, perda de eletrólitos, desidratação, colite e hemorroidas.

Por que tomar chá de sene não é um método seguro para emagrecer?

Emagrecer de forma saudável requer uma mudança de hábitos e um estilo de vida saudável. Ou seja, nenhum chá “milagroso” substitui a eficácia de uma dieta equilibrada aliada à prática de atividade física, o sono reparador, um intestino saudável e o controle do estresse.

Qual a melhor forma para regular o intestino? Quais são os hábitos de vida que podemos incluir em nosso cotidiano?

A melhor forma de regular o intestino é consumir a quantidade necessária de fibras diariamente e também prestar atenção na hidratação. Uma dieta que evite o consumo de produtos industrializados e diminua o consumo de proteína animal também auxilia a regular o intestino. Outra dica é a utilização dos probióticos que devem ser prescritos por nutricionistas.

O que a ciência diz sobre a periodicidade que vamos ao banheiro? Existe uma quantidade mínima ou máxima?

Segundo as especialistas, isso varia de acordo com o indivíduo. Estudos demonstram que é normal evacuar de 3 vezes ao dia a 1 vez a cada 3 dias.

O mais importante, contudo, é observar essa periodicidade ao longo da vida. Se durante um longo tempo o paciente evacuava 2 vezes ao dia e, de repente, isso foi alterado para 2 a 3 dias sem a evacuação, essa mudança pode ser sinal de um problema.

 

Por isso, sempre é preciso analisar o histórico do paciente para entender como o organismo funciona. Outro ponto de atenção é avaliar a consistência das fezes; se estiverem muito ressecadas, pode ser sinal de pouca fibra e pouca hidratação. Mais uma vez, a alimentação é fundamental para melhorar isso.

Onde comprar Chá de Sene?

Hoje você encontra a versão do chá de sene em forma de cápsulas no nosso buscador e comparador de preços Cliquefarma, que tal pesquisar o seu lá aqui agora mesmo e já garanti-lo com o menor preço? Depois conta para gente no box de comentários as suas experiências fazendo uso dele, ok?! Sua opinião é importante para nós!