Água termal – O que é, para que serve, como usar, preço e onde comprar

28/10/2020 0 Por Redação CliqueFarma

Hoje vamos falar tudo sobre a água termal. Já ouviu falar dela? Quer saber o que é, para que ela serve, maneira correta de usar, os melhores preços e onde você pode comprar? Então nós te contamos tudo neste artigo do blog! Leia tudo até o final para não perder!

O que é água termal?

Esse produto já é o queridinho de muitas pessoas por conta de seus diversos benefícios para pele e cabelo. A água termal é proveniente de estações termais francesas de origens profundas que são naturalmente mais mineralizadas do que outras águas.

 

Ela também é considerada bacteriologicamente pura desde a nascente e possui características físicas e químicas com propriedades terapêuticas para várias doenças, além do potencial hidratante.

 

De acordo com a dermatologista Luciana de Abreu, especialista da clínica Dr. André Braz (RJ), as águas termais são extraídas de fontes ou terrenos rochosos e profundos, às vezes até de rochas vulcânicas, onde atinge temperaturas elevadíssimas.

 

“Ao passar por esses locais e por entre estas rochas, os minerais contidos nessas superciliares se desprendem e a água termal adquire características únicas na sua composição, que se torna enriquecida com vários oligominerais em concentrações elevadas”, explica.

 

A água termal não possui nenhum tipo de restrição e pode ser usada em qualquer idade

Diferença da água termal para água normal

A água termal é diferente da água comum por conter alta concentração de sais minerais e ser proveniente de fontes termais. “Os sais minerais mais encontrados são ferro, zinco, selênio, cálcio, potássio, cobre e silício”, explica a dermatologista Fernanda Seabra.

 

Além disso, a água termal contém o pH neutro e alcalino, diferentemente da água que sai da torneira que tem o pH ácido.

Água termal x Água micelar: entenda as diferenças 

Você sabe qual a diferença entre essas “águas da beleza”? A similaridade nos nomes dos produtos leva muitas pessoas a acharem que água micelar e água termal são a mesma coisa, o que é um equívoco.

A água micelar

A água micelar é um produto composto de micelas, moléculas orgânicas que higienizam a pele de maneira suave. Em outras palavras, a água micelar promove uma limpeza da pele,  removendo a oleosidade excessiva, impurezas e resíduos, além de equilibrar o pH da face.

 

Seu grande diferencial é limpar muito bem a pele sem irritá-la ou agredi-la. Por isso também é usada como demaquilante. Como suas fórmulas são isentas de álcool ou agentes químicos é um produto excelente para quem possui pele muito sensível.

Benefícios da água micelar:
  • Remove impurezas sem agredir a pele;
  • Deixa a pele com aspecto mais saudável;
  • Boa alternativa ao demaquilante;
  • Ideal para peles sensíveis;

 A água termal

Já a água termal, como vimos até agora, é extraída de fontes subterrâneas e rochosas, naturalmente enriquecida de minerais, como magnésio, manganês e zinco. É uma água bem diferente da que utilizamos no dia a dia para lavar o rosto e corpo, pois contém uma quantidade maior de sais minerais e um pH neutro e alcalino.

 

Parte dos ativos das águas termais (minerais em altas concentrações) tem efeito calmante – e, às vezes, até cicatrizante e anti-inflamatório, por isso este produto é bastante indicado em pós-operatórios, após longa exposição ao sol ou depois de tratamentos dermatológicos como os lasers. Mas a água termal também pode (é deve!) ser utilizada no dia a dia, a fim de nutrir, hidratar e proteger a pele contra os agentes externos e a poluição do dia a dia.

Benefícios da água termal:
  • Hidrata e nutre a pele;
  • Reduz o “aspecto de cansaço” no rosto;
  • Alivia a vermelhidão causada pela exposição ao sol;
  • Complementa o tratamento de acne, rosáceas, peles secas e outros problemas envolvendo a pele;
  • Hidrata e reduz o frizz dos cabelos;

Qual delas comprar?

A verdade é que uma não substitui a outra. A água micelar e a água termal se complementam, e o uso conjunto ajuda a potencializar os seus efeitos. Nossa dica é apostar na água micelar para higienização da pele – limpar o rosto, retirar resíduos de maquiagem e também como tônico facial. E não abrir mão da água termal na etapa de hidratação, para evitar que a pele fique ressecada e perca o viço.

 

Vale ressaltar que ambos os produtos são benéficos e podem ser utilizados em qualquer tipo de pele, tanto no verão como no outono-inverno. O resultado é uma pele visivelmente saudável e bem cuidada.

Para que serve a água termal?

A água termal possui diversas propriedades e age como hidratante para pele e cabelos. Além disso, equilibra o pH da cútis e tem ação antioxidante que a protege contra os radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce.

 

Para os cabelos, a água termal garante maciez e brilho nos fios.

Muitos profissionais da saúde usam a água termal após procedimentos estéticos como o peeling, reduzindo coceiras e irritações na pele.

 

Segundo Emily Alvernaz, dermatologista da Clínica Goa (RJ), a água termal tem ação calmante, melhorando inflamações e irritações em peles sensíveis ou sensibilizadas por problemas como dermatite atópica, psoríase, eczemas, alergias, rosácea e assaduras.

 

Por conter diversos benefícios, o uso da água termal é indicado nas seguintes situações:

 

  • Após exposição solar em excesso
  • Depois da depilação
  • Depois de se barbear
  • Após atividade física ou exposição prolongada ao ar-condicionado ou frio intenso para reposição de sais minerais e desidratação.

Quem pode usar água termal?

A água termal não possui nenhum tipo de restrição e pode ser usada em qualquer idade (seu uso é indicado, inclusive, para crianças) e em todos os tipos de cútis e cabelo. Para peles secas, sensibilizadas ou que apresentem dermatites é possível observar um efeito maior com o uso frequente.

 

Já para pessoas com pele oleosa, que geralmente não se dão bem com hidratantes, a água termal é uma ótima alternativa para manter a pele hidratada.

Como usar água termal?

De acordo com a dermatologista Fernanda Seabra, a água termal pode ser usada várias vezes ao dia: ao acordar, antes de dormir, quando quiser revigorar a pele ou se refrescar. Basta borrifar a água a uma distância de 20 cm sobre a pele.

 

O ideal é utilizar após higienização da pele, antes dos hidratantes ou cremes de tratamento, segundo a dermatologista Luciana de Abreu.

 

“Para turbinar a absorção do produto e acalmar a pele exposta à água morna, borrife-a logo após o banho, ainda no vapor do banheiro”, indica a especialista Emily Alvernaz.

Quais os benefícios da água termal?

Ajuda a combater espinhas

A acne tem um processo inflamatório intenso, e o tratamento associado à água termal pode melhorar seu aspecto eritematoso, acelerando a cicatrização das marcas.

 

“As águas termais que possuem enxofre e zinco na composição, principalmente, têm efeitos benéficos no controle da oleosidade cutânea”, destaca Luciana.

Diminui vermelhidão no rosto

A água termal tem propriedades calmantes e anti-inflamatórias, podendo amenizar a vermelhidão do rosto após procedimentos estéticos como microagulhamento, peelings e laser. Além disso, é indicada como adjuvante no tratamento de dermatites e assaduras.

 

Isso acontece porque ela é rica em selênio e silicato que acalmam a pele, sendo que sua ação anti-inflamatória reduz a vermelhidão e age como antioxidante natural, como explica Fernanda.

Tonifica a pele

Segundo Luciana de Abreu, a água termal pode ser usada como um tônico muito suave, reequilibrando a hidratação da pele e regulando a oleosidade de maneira bem sutil.

 

“Apesar da água termal não possuir propriedades adstringentes presentes na maioria dos tônicos, ela pode sim ser utilizada antes da aplicação do filtro solar ou da maquiagem e após sua remoção, principalmente em peles secas ou sensíveis para reequilibrar o pH da pele”, diz Emily.

Prepara a pele e aumenta a duração da maquiagem

O ideal é borrifar a água termal antes de começar a maquiagem para preparar a pele, garantindo a hidratação necessária para receber os produtos seguintes. Quando usada sobre a maquiagem, a água termal ajuda na fixação de todos os itens, aumentando a aderência da make na pele.

Reduz olheiras

As propriedades hidratantes da água termal podem ajudar a melhorar o aspecto das olheiras. As especialistas recomendam colocar um algodão embebido com água termal na região por apenas cinco minutos, todos os dias. Essa técnica promove um efeito descongestionante e calmante para as olheiras – mas vale lembrar que esse não é o tratamento base, apenas uma ajuda.

Hidrata a pele tatuada

No período de cicatrização da tatuagem, a água termal ajuda a diminuir a coceira, vermelhidão e o edema no local recém-tatuado. O produto também é indicado durante e após a exposição solar. É importante frisar que a água termal não substitui o protetor solar, e sim potencializa a proteção.

Hidrata os cabelos

A água termal também é indicada para todos os tipos de cabelo. Seu poder de hidratação diminui o frizz e recompõe o brilho. Basta aplicar por toda a extensão dos fios, principalmente depois do banho, com os cabelos ainda úmidos.

 

Como usar água termal?

Basta borrifar o produto com o frasco na vertical, respeitando uma distância de 20 centímetros. Não precisa agitar.

Como incluir a água termal na rotina de cuidados com a pele?

Existem muitas maneiras de incluir a água termal na sua rotina de cuidados com a pele. A Dra. Vanessa Metz, dermatologista indica algumas opções:

 

Opção 1) Como um hidratante: para revitalizar a pele e repor os minerais perdidos.

 

Opção 2) Para refrescar: usar em dias muito quentes, durante exercícios físicos ou pós-praia.

 

Opção 3) Para acalmar: quem tem sensibilidade na pele ou sente desconforto depois da depilação ou, no caso dos homens, no pós-barba, o produto é recomendado, pois acalma a pele e fecha os poros.

 

Opção 4) Preparar a pele para a maquiagem: aplicando a água termal e deixando que ela evapore sozinha. Em seguida, começar a se maquiar.

 

Opção 5) Para finalizar e dar um ‘glow’ na make: você também pode borrifar a água termal quando terminar a maquiagem. Assim ela vai durar mais tempo e ainda proporcionar mais viço à pele.

Quais ativos presentes na água termal?

A água da chuva, ao penetrar pelas rochas, passa por um superaquecimento e com isso extrai alguns minerais existentes na região. Cada água termal tem uma composição única. Mas, em geral, sua composição é de:

 

– Cálcio;

– Cobre

– Zinco

– Potássio;

– Ferro;

– Fósforo;

– Selênio.

Pele sensível x água termal

A pele sensível é uma condição que afeta muitas pessoas e causa uma série de incômodos, como coceira, manchas vermelhas, irritação, formação de bolinhas no corpo e no rosto, entre outros. 

 

O uso da água termal, principalmente se tiver ação comprovadamente prebiótica, pode amenizar todos esses sintomas e equilibrar a sensibilidade cutânea. Sua fórmula sem álcool, corantes, perfume e parabenos é indicada para esses casos e pode ser usada sempre que necessário ao longo do dia.

Dermatite atópica x água termal

Você sabia que as estações termais na França são especializadas no tratamento de doenças de pele como a dermatite atópica? A água termal vendida em frascos e sprays é a mesma utilizada nos tratamentos de pele, por isso, auxilia o tratamento do problema. 

 

É o que afirma a dermatologista Betina Stefanello, do Rio de Janeiro. “Ela tem um excelente poder calmante, isso é inegável e funciona muito bem na prática. Acredito que a água termal engarrafada é uma excelente opção para a prevenção das crises de dermatite atópica ou até para o seu tratamento numa fase mais branda”, acrescentou.

Por que também posso usar no cabelo?

Porque da mesma forma que a água termal faz bem à pele, o produto também ajuda a manter seus cabelos saudáveis. Como já vimos, é possível você pode borrifar um pouco no comprimento dos fios e principalmente nas pontas, que costumam ser mais ressecadas. A substância ajuda repor os minerais perdidos e manter as madeixas hidratadas.

 

Mitos e verdades sobre água termal

A água termal tem o mesmo efeito da água mineral?

Mito. Embora as duas proporcionem benefícios para o corpo, a água termal possui uma concentração alta de minerais vindos das estações termais francesas

Só quem tem a pele sensível pode usar água termal?

Mito. A água termal pode ser usada em todos os tipos de pele, inclusive a oleosa. Além disso sua ação hidratante é perfeita para quem sofre com o excesso de brilho e acne, sem deixar aquele aspecto gorduroso no rosto, principalmente na zona T.

Faz bem para clarear as olheiras.

Verdade. Devido a sua ação calmante, a água termal pode ser usada para amenizar a aparência das olheiras. Basta borrifar um pouco da solução gelada em um pedaço de algodão e colocar sobre as pálpebras. Deixe repousar por cinco minutos e terá a região mais revigorada!

Ajuda a prevenir o envelhecimento precoce.

Verdade. Graças a sua ação antioxidante, que ajuda a inibir a ação dos radicais livres – moléculas instáveis que aceleram o envelhecimento da pele. Por isso, antes de começar o dia, que tal borrifar um pouco de água termal na sua pele?

 

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Onde comprar?

Você pode encontrar várias marcas de água termal no nosso buscador e comparador de preços Cliquefarma. Aqui, com apenas um clique, você encontra o melhor preço e a melhor condição de entrega do seu produto dependendo da região em que mora. Acesse agora mesmo e adquira o seu!

Tem alguma experiência interessante para compartilhar conosco fazendo uso de água termal? Comente abaixo, sua opinião é importante para nós!