Fitoterápicos

Os medicamentos fitoterápicos são produtos obtidos a partir de plantas medicinais, utilizados com o objetivo de prevenir, tratar ou curar doenças e distúrbios de saúde. Eles são considerados uma alternativa natural aos medicamentos convencionais. 

... continuar lendo

carregando...

Encontre somente farmácias da sua região

O que são medicamentos fitoterápicos e como funcionam?

Os medicamentos fitoterápicos são produtos obtidos a partir de plantas medicinais, que possuem propriedades terapêuticas e medicinais comprovadas. Essas plantas possuem em sua composição substâncias químicas naturais como alcaloides, flavonoides, taninos, entre outros que possuem ação farmacológica.

Quando utilizados de forma adequada, os medicamentos fitoterápicos podem proporcionar diversos benefícios para a saúde como alívio de sintomas de doenças, redução de inflamações, melhora da digestão, do sono, entre outros.

Diferenças entre os medicamentos fitoterápicos e medicamentos convencionais

A principal diferença entre os medicamentos fitoterápicos e os medicamentos convencionais é a sua origem. Enquanto os medicamentos convencionais são produzidos em laboratórios, a partir de substâncias sintéticas, os medicamentos fitoterápicos são produzidos a partir de plantas medicinais.

Principais plantas medicinais usadas na produção de medicamentos fitoterápicos e seus efeitos terapêuticos

Existem diversas plantas medicinais utilizadas na produção de medicamentos fitoterápicos, cada uma com suas propriedades e indicações terapêuticas. Entre as mais comuns, podemos citar:

  • Camomila: utilizada para aliviar ansiedade, insônia e problemas digestivos;
  • Eucalipto: utilizado como expectorante, para aliviar tosse e congestão nasal;
  • Ginkgo biloba: utilizado para melhorar a memória e a circulação sanguínea;
  • Guaco: utilizado como broncodilatador, para aliviar sintomas de asma e bronquite;
  • Valeriana: utilizada como relaxante muscular e para aliviar ansiedade e insônia.

É importante lembrar que o uso dessas plantas medicinais deve ser feito de forma segura e eficaz, sempre seguindo as orientações de um profissional de saúde.

Como escolher e usar medicamentos fitoterápicos de forma segura

Ao escolher um medicamento fitoterápico é importante verificar se ele possui registro na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que é responsável pela regulamentação e fiscalização dos medicamentos no Brasil. Além disso, é importante escolher um produto de qualidade, produzido por um fabricante confiável.

É recomendável também que o uso de medicamentos fitoterápicos seja orientado por um profissional de saúde, como um médico ou um farmacêutico. Eles podem avaliar o seu caso e indicar a dose correta e a forma de uso mais adequada para o seu quadro clínico.

É importante também observar os possíveis efeitos colaterais e interações medicamentosas, que podem ocorrer com o uso de medicamentos fitoterápicos. Alguns exemplos de efeitos colaterais comuns incluem náuseas, diarreia, dor de cabeça e reações alérgicas. Já as interações medicamentosas podem ocorrer quando o medicamento fitoterápico é utilizado em conjunto com outros medicamentos, podendo interferir na sua eficácia ou potencializar os efeitos colaterais.

Como os medicamentos fitoterápicos são regulamentados e produzidos no Brasil

No Brasil, os medicamentos fitoterápicos são regulamentados pela Anvisa, que estabelece normas e critérios para a produção, registro, rotulagem e comercialização desses produtos. Para obter o registro na Anvisa, o fabricante deve comprovar a eficácia, segurança e qualidade do produto, além de seguir as boas práticas de fabricação.

Os medicamentos fitoterápicos também devem seguir as normas de rotulagem, que incluem informações sobre a composição, indicações terapêuticas, posologia, contraindicações, precauções e possíveis efeitos colaterais.

A importância de consultar um profissional de saúde antes de iniciar o uso de medicamentos fitoterápicos

Por fim, é importante destacar a importância de consultar um profissional de saúde antes de iniciar o uso de medicamentos fitoterápicos. Eles podem avaliar o seu caso e indicar o medicamento mais adequado para o seu quadro clínico, além de orientar sobre a dose correta, a forma de uso e os possíveis efeitos colaterais e interações medicamentosas.

Além disso, o uso de medicamentos fitoterápicos não deve substituir o tratamento convencional prescrito pelo médico. Apesar de serem elaborados com insumos naturais, os medicamentos fitoterápicos também podem ter efeitos colaterais se utilizados sem uma prescrição ou acompanhamento médico.  

continuar lendo

Comparar preços de remédios e medicamentos no CliqueFarma é rápido e simples.

O CliqueFarma, é uma ferramenta para comparativo de preços de produtos farmacêuticos. Não comercializamos, não indicamos, não receitamos, nenhum tipo de medicamento essa função cabe exclusivamente a médicos e farmacêuticos. Não consuma qualquer tipo de medicamento sem consultar seu médico.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. PROCURE UM MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.

Ainda com dúvidas?
Conheça nossos Termos de Uso

precisa de ajuda?