Menor preço de Broncho Vaxom 3 5 Mg você encontra no Cliquefarma

3 ofertas encontradas para Broncho Vaxom 3 5 Mg

Broncho Vaxon 3,5 Mg Pediatrico 10 Capsulas
B

Biológico

Para que serve: Broncho-Vaxom destina-se a tratamento auxiliar e prevenção dos processos infecciosos dos pulmões, da garganta, dos seios da face e dos ouvidos (bronquite aguda e crônica, amigdalite, faringite e laringite, rinite, sinusite e otite), de infecções resistentes aos antibióticos convencionais e de complicações bacterianas decorrentes de infecções virais do trato respiratório, especialmente na criança e no idoso.(Veja a Bula)

3 Ofertas encontradas a partir de R$ 38,31 até R$ 45,56

Ofertas Encontradas

-15,91%

Drogaria Raia
Drogaria Raia

Broncho-vaxom 3,5mg Takeda 10 Cápsulas na Drogaria Raia.

Descontos de Até 50% e Frete a Partir R$2,99 p/ São Paulo. Consulte Regras*


Preço:

R$ 38,31

-15,91%

Drogaria Drogasil
Drogaria Drogasil

Broncho-vaxom 3,5mg Takeda 10 Cápsulas na Drogaria Drogasil.

Descontos de Até 50% e Frete a Partir R$2,99 p/ São Paulo. Consulte Regras*


Preço:

R$ 38,31

Drogarias Pacheco
Drogarias Pacheco

Broncho-vaxon Pediã¡trico 3,5mg Takeda 10 Cã¡psulas na Drogarias Pacheco.

Desconto de 25% na 2ª Unidade de Diversos Genéricos.


Preço:

R$ 45,56

Drogaria Onofre
Drogaria Onofre

Broncho-vaxom 3,5mg Pediátrico 10 Cápsulas na Drogaria Onofre.

Medicamento Genéricos com até 90% de desconto. Frete a partir de R$3,99


Para que serve

Broncho-Vaxom destina-se a tratamento auxiliar e prevenção dos processos infecciosos dos pulmões, da garganta, dos seios da face e dos ouvidos (bronquite aguda e crônica, amigdalite, faringite e laringite, rinite, sinusite e otite), de infecções resistentes aos antibióticos convencionais e de complicações bacterianas decorrentes de infecções virais do trato respiratório, especialmente na criança e no idoso.

É indicado também para a prevenção de recidivas (recaídas) e da transição para o estado crônico.

Como Broncho-Vaxom funciona?

Broncho-Vaxom é um medicamento que estimula o sistema imunológico e assim fortalece a resistência às infecções do sistema respiratório, reduzindo o risco de recidivas (recaídas).

A resposta ao tratamento segundo a posologia recomendada dependerá das condições do sistema imunológico do paciente.

A melhora do quadro clínico pode ser notada após o primeiro ciclo de tratamento. Entretanto, a eficácia do tratamento é maior após o término do terceiro ciclo.

Contraindicação

Broncho-Vaxom não deve ser usado por pacientes com alergia (hipersensibilidade) aos componentes da fórmula.

Este medicamento é contraindicado para crianças com menos de seis meses de idade, pois nesta idade a defesa da criança não está completamente desenvolvida.

Como usar

Cápsula

Broncho-Vaxom destina-se a uso exclusivamente oral.

Broncho-Vaxom deve ser ingerido com o estômago vazio (em jejum).

Adultos - cápsulas de 7 mg

Tratamento de episódios agudos:

Uma cápsula ao dia, em jejum, até o desaparecimento dos sintomas, por um período mínimo de 10 dias. Nos casos que requeiram terapia antibiótica, Broncho-Vaxom deve ser administrado preferencialmente junto com o antibiótico desde o início do tratamento.

Tratamento de prevenção de recidivas (recaídas):

Uma cápsula ao dia, em jejum, durante 10 dias consecutivos com intervalo de 20 dias devendo ser repetido por 3 meses seguidos.

Crianças - cápsulas de 3,5 mg

Empregar o mesmo esquema posológico aplicado em adultos. As cápsulas pediátricas contêm a metade da dose preconizada para adultos. Caso a criança apresente dificuldade em engolir a cápsula, esta pode ser aberta e o conteúdo disperso em uma pequena quantidade de líquido, tal como água, suco de frutas ou leite.

Neste caso, a apresentação em sachê também é recomenda pois é melhor adaptada ao uso pediátrico.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

Granulado

Broncho-Vaxom destina-se a uso exclusivamente oral.

Broncho-Vaxom deve ser ingerido com o estômago vazio (em jejum).

Tratamento de episódios agudos:

Um sachê ao dia, em jejum, até o desaparecimento dos sintomas, por um período mínimo de 10 dias.

Nos casos que requeiram terapia antibiótica, Broncho-Vaxom deve ser administrado preferencialmente junto com o antibiótico desde o início do tratamento.

Tratamento de prevenção de recidivas (recaídas):

Um sachê ao dia, em jejum, durante 10 dias consecutivos, com intervalo de 20 dias devendo ser repetido por 3 meses seguidos.

O conteúdo do sachê deve ser dissolvido em uma pequena quantidade de água. Porém, nos casos em que a criança tenha dificuldade de ingerir o medicamento desta forma, é possível dissolvê-lo em pequena quantidade de suco de frutas, leite, iogurte ou outro alimento.

Siga a orientação de seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.

Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico.

O que devo fazer quando eu me esquecer de usar Broncho Vaxom?

Caso você tenha se esquecido de tomar uma dose, tome o medicamento assim que possível. Se estiver muito perto do horário da próxima dose, aguarde e tome somente uma única dose. Não tome duas doses ao mesmo tempo ou uma dose extra para compensar a dose perdida.

Em caso de dúvidas, procure orientação do farmacêutico ou de seu médico ou cirurgião-dentista.

Precauções

O tratamento deve ser interrompido caso ocorram reações cutâneas e distúrbios respiratórios de longa duração, uma vez que estes podem ser reflexos de reações de alergia.

O tratamento também deve ser interrompido no caso de distúrbios gastrintestinais duradouros.

Com base nos conhecimentos atuais, a administração de Broncho-Vaxom não é recomendado em crianças com idade inferior a 6 meses, devido a imaturidade do seu sistema imunitário.

Broncho-Vaxom não afeta a capacidade de dirigir ou operar máquinas.

Informe ao seu médico ou cirurgião dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Reações Adversas

Relatos provenientes de estudos clínicos indicam uma incidência de efeitos adversos de 3% a 4%.

Eventos adversos são classificados abaixo de acordo com sua frequência:

Reações comuns (ocorrem em 1% a 10% dos pacientes que utilizam este medicamento):

Diarreia, dor abdominal, tosse e erupção cutânea.

Reações incomuns (ocorrem em 0,1% a 1% dos pacientes que utilizam este medicamento):

Hipersensibilidade (erupção cutânea eritematosa, erupção cutânea generalizada, eritema, edema, edema palpebral, edema da face, edema periférico, inchaço, inchaço da face, prurido, prurido generalizado, dispneia).

Os relatos pós-comercialização identificaram as seguintes reações adversas de frequência desconhecida:

Vômito, náusea, angioedema, urticária, febre, fadiga e dor de cabeça.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento.

Informe também a empresa através do seu serviço de atendimento.

Composição

Cápsula

Broncho-Vaxom Adulto:

Cada cápsula contém

7 mg de lisado bacteriano de Haemophilus influenzae, Streptococcus pneumoniae, Klebsiella pneumoniae ssp. pneumoniae, Klebsiella pneumoniae ssp. ozaenae, Staphylococcus aureus, Streptococcus pyogenes, Streptococcus sanguinis e Moraxella (Branhamella) catarrhalis contido em 40 mg de liofilizado padronizado.

Excipientes: amido, estearato de magnésio, manitol, glutamato de sódio monobásico e propilgalato.

Broncho-Vaxom Pediátrico:

Cada cápsula contém

3,5 mg de lisado bacteriano de Haemophilus influenzae, Streptococcus pneumoniae, Klebsiella pneumoniae ssp. pneumoniae, Klebsiella pneumoniae ssp. ozaenae, Staphylococcus aureus, Streptococcus pyogenes, Streptococcus sanguinis e Moraxella (Branhamella) catarrhalis contido em 20 mg de liofilizado padronizado.

Excipientes: amido, estearato de magnésio, manitol, glutamato de sódio monobásico e propilgalato.

Granulado

Cada sachê contém 3,5 mg de lisado bacteriano de Haemophilus influenzae, Streptococcus pneumoniae, Klebsiella pneumoniae ssp. pneumoniae, Klebsiella pneumoniae ssp. ozaenae, Staphylococcus aureus, Streptococcus pyogenes, Streptococcus sanguinis e Moraxella (Branhamella) catarrhalis contido em 20 mg de liofilizado padronizado.

Excipientes: amido, silicato de magnésio, estearato de magnésio, manitol, glutamato de sódio monobásico e propilgalato.

Superdosagem

Não existem relatos de superdoses. As características de Broncho-Vaxom e os resultados dos testes de toxicidade efetuados em animais tornam altamente improvável o surgimento de efeitos tóxicos após superdoses do produto.

Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível. Ligue para 0800 722 6001 se você precisar de mais orientações.

Cuidados de Armazenamento

Conserve o produto à temperatura ambiente (15°C a 30°C) e proteja-o de luz e umidade.

Número de lote e data de fabricação e validade: vide embalagem.

Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Guarde-o em sua embalagem original.

Características Físicas

Cápsula 

A cápsula de Broncho-Vaxom 3,5 mg (Pediátrico)

É opaca, metade cor branca e a outra metade cor azul, contendo pó levemente bege.

A cápsula de Broncho-Vaxom 7 mg (Adulto)

É opaca, de coloração azul, contendo pó levemente bege.

Granulado 

Os sachês de Broncho-Vaxom contêm um granulado fino (pó) de coloração levemente bege.

Após dispersão do granulado dos sachês em pequena quantidade de água, suco de frutas ou leite, a ingestão deve ser imediata.

Dizeres Legais

MS – 1.0639.0201

Farm. Resp.:
Carla A. Inpossinato - CRF-SP n° 38.535

Fabricado por:
OM Pharma S.A.
Genebra – Suíça

Sachê

Embalado por:
OM Pharma S.A.
Amadora – Portugal

Importado por:
Takeda Pharma Ltda.
Rodovia SP 340 S/N, km 133,5
Jaguariúna-SP
CNPJ 60.397.775/0008-40
Indústria Brasileira

Venda sob prescrição médica.

Confira as novidades e preço de remédios nas nossas redes sociais:

Filtro

Tipo de Busca