Menor preço de Motivol você encontra no Cliquefarma

0 ofertas encontradas para Motivol

Motivol 100mg C 60 Comprimidos
O

Outros

Categoria: Medicamentos

EAN: 7896862920111

Para que serve: Este medicamento é indicado para aumentar a capacidade física e intelectual nos estados de esgotamento e fadiga.(Veja a Bula)

0 Ofertas encontradas a partir de R$ 0,00 até R$ 0,00

Ofertas Encontradas
Drogaria Nova Esperanca
Drogaria Nova Esperanca

Motivol 100mg Com 60 Comprimidos na Drogaria Nova Esperanca.

FRETE GRÁTIS: para a cidade de São Paulo nas compras acima de R$ 50,00


Farmacia Mix
Farmacia Mix

Motivol 100mg Com 60 Comprimidos na Farmacia Mix.

FRETE GRÁTIS: para a cidade de São Paulo nas compras acima de R$ 50,00


Motivol Cx 30 Cpr
O

Outros

Categoria: Medicamentos

EAN: 7896862920104

Para que serve: Este medicamento é indicado para aumentar a capacidade física e intelectual nos estados de esgotamento e fadiga.(Veja a Bula)

0 Ofertas encontradas a partir de R$ 0,00 até R$ 0,00

Ofertas Encontradas
Drogaria Nova Esperanca
Drogaria Nova Esperanca

Motivol 100mg Com 30 Comprimidos na Drogaria Nova Esperanca.

FRETE GRÁTIS: para a cidade de São Paulo nas compras acima de R$ 50,00


Farmacia Mix
Farmacia Mix

Motivol 100mg Com 30 Comprimidos na Farmacia Mix.

FRETE GRÁTIS: para a cidade de São Paulo nas compras acima de R$ 50,00


Para que serve

Este medicamento é indicado para aumentar a capacidade física e intelectual nos estados de esgotamento e fadiga.

Contraindicação

Este medicamento é contraindicado em casos de asma aguda, hemorragia e durante infecções agudas. Também não deve ser utilizado por pacientes com hipersensibilidade (alergia) à droga, em casos de hiperestrogenia (excesso de hormônios estrogênicos no organismo), hipertensão (aumento da pressão arterial), taquicardia (aumento da frequência cardíaca), insônia e síndromes febris.

Não é recomendada sua utilização durante a gravidez e amamentação por ser estimulante e conter estrogênios em sua composição.

Este medicamento é contraindicado para menores de 12 anos.

Este medicamento não deve serutilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgiãodentista.

Como usar

Uso oral

Ingerir uma cápsula pela manhã e outra no almoço. Recomenda-se manter o tratamento por 4 a 8 semanas, devendo o medicamento ser utilizado por, no máximo, 3 meses.

Utilizar apenas a via oral. O uso deste medicamento por outra via, que não a recomendada, pode causar a perda do efeito esperado ou mesmo provocar danos à saúde.

Siga corretamente o modo de usar. Em caso de dúvidas sobre este medicamento, procure orientação do farmacêutico. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação de seu médico ou cirurgiãodentista.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado.

Precauções

Pacientes diabéticos devem ter cuidado no uso do medicamento, pois este pode reduzir levemente os níveis de glicose no sangue.

Ginseng pode elevar a pressão arterial, sendo assim, deve ser ingerido com cautela por pacientes hipertensos agudos.

Indivíduos extremamente nervosos, tensos, histéricos, maníacos ou esquizofrênicos devem evitar o uso de Ginseng.

Não existem restrições específicas para o uso do produto por pacientes idosos.

Este medicamento não deve serutilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgiãodentista.

Reações Adversas

Com o uso de Ginseng, podem ocorrer casos de reações gastrintestinais leves e transitórias (como náusea, dor de estômago e diarréia) e insônia.

Há relatos de efeitos estrogênicos em mulheres, como mastalgia (dor nos seios). Como o Ginseng contém pequenas quantidades de estrona, estradiol e estriol, pode ocorrer ainda ginecomastia (crescimento das mamas em homens) e galactorréia (produção de leite fora do período pós-parto ou de lactação).

Foram relatados ainda epistaxe (perda de sangue pelo nariz), cefaléia (dor de cabeça), vômitos e, em raros casos, reações alérgicas.

O uso prolongado de Ginseng pode provocar hipertensão (aumento da pressão arterial), inflamação de nervo, frequentemente o ciático, causando espasmos (contrações involuntárias) na área afetada.

Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento. Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento.

Interação Medicamentosa

Ginseng pode interferir com a ação de medicamentos antidiabéticos, devido ao efeito hipoglicêmico do extrato, bem como reduzir a atividade de anticoagulantes, como a varfarina.

Também foram relatadas interações com inibidores da monoaminoxidase (iMAO), como a fenelzina.

Não usar Panax ginseng com Rauvolfia serpentina, bloqueadores de canais de cálcio, digitálicos, etionamida, griseofulvina, metildopa, fenotiazinas e espironolactona.

O uso concomitante com outras drogas estimulantes, como cafeína e anfetamina, deve ser evitado, pois pode ocorrer estimulação excessiva.

Também não utilizar junto com drogas antidepressivas, antipsicóticas ou tratamentos hormonais.

O uso simultâneo com diuréticos de alça pode resultar em aumento do risco de resistência diurética.

O Panax ginseng possui efeitos semelhantes ao do estrogênio. Logo, o uso concomitante com estrogênio conjugado pode provocar os sintomas causados pelo excesso deste hormônio (mastalgia e sangramento uterino que pode ocorrer entre as menstruações).

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Confira as novidades e preço de remédios nas nossas redes sociais:

Filtro

Tipo de Busca