Menor preço de Ranitidina você encontra no Cliquefarma

0 Ofertas encontradas para Ranitidina

Cl.ranitidina 150mg 10ml Xp 120ml Geolab
G

Genérico

Princípio ativo: Cloridrato de ranitidina

Categoria: Medicamentos

Fabricante: Geolab

EAN: 7899095245181

Para que serve: O cloridrato de ranitidina Injetável é indicado no tratamento de úlcera duodenal, úlcera gástrica benigna, úlcera pós-operatória, esofagite de refluxo e outros estados hipersecretores patológicos, sempre que for recomendável a administração parenteral – ou seja, na prevenção de hemorragia gastrintestinal por úlcera de estresse em pacientes em estado grave, profilaxia de úlcera pós-operatória, profilaxia de sangramento recorrente em portadores de úlcera péptica hemorrágica e profilaxia em pacientes propensos a aspiração ácida (síndrome de Mendelson) e a síndrome de Zollinger-Ellison.(Veja a bula)

Ofertas encontradas A partir de R$ 0,00 até R$ 0,00


Ofertas Encontradas
Drogaria Nova Esperanca
Drogaria Nova Esperanca

Cloridrato De Ranitidina 150mg/10ml Com 120ml - Geolab na Drogaria Nova Esperanca.

Mais de 47 anos de tradição, loja Ra 1000 e Ebit Diamante


Farmacia Mix
Farmacia Mix

Cloridrato De Ranitidina 150mg/10ml Com 120ml na Farmacia Mix.

FRETE REDUZIDO: para a cidade de São Paulo e Grande São Paulo


Medic Delivery
Medic Delivery

Ranitidina Xarope 120ml (geolab) na Medic Delivery.

Dúvidas quanto ao Preço ou Frete? Clique e vá direto ao site da Drogaria.


Ranitidina 150mg 10cp Medquimica
I

Similar Intercambiável

Princípio ativo: Cloridrato de ranitidina

Categoria: Medicamentos

Fabricante: Medquimica

EAN: 7896862910587

PMC/SP: R$ 18,44

Para que serve: No tratamento de úlcera duodenal, úlcera gástrica, úlcera pós-operatória, esofagite de refluxo, síndrome de Zollinger - Ellison.(Veja a bula)

0 Ofertas encontradas A partir de R$ 0,00 até R$ 0,00


Ofertas Encontradas
Farma 22
Farma 22

Ranitidil 150mg 10 Comprimidos Revestidos na Farma 22.

FRETE REDUZIDO: para a todo o Brasil


Medic Delivery
Medic Delivery

Ranitidil 150mg 10cpr (medquimica) na Medic Delivery.

Dúvidas quanto ao Preço ou Frete? Clique e vá direto ao site da Drogaria.


Cloridrato De Ranitidina Frasco Com 120 Ml Legrand - Generico
G

Genérico

Princípio ativo: Cloridrato de ranitidina

Categoria: Medicamentos

Fabricante: Legrand

EAN: 7894916143738

PMC/SP: R$ 36,33

Para que serve: O cloridrato de ranitidina Injetável é indicado no tratamento de úlcera duodenal, úlcera gástrica benigna, úlcera pós-operatória, esofagite de refluxo e outros estados hipersecretores patológicos, sempre que for recomendável a administração parenteral – ou seja, na prevenção de hemorragia gastrintestinal por úlcera de estresse em pacientes em estado grave, profilaxia de úlcera pós-operatória, profilaxia de sangramento recorrente em portadores de úlcera péptica hemorrágica e profilaxia em pacientes propensos a aspiração ácida (síndrome de Mendelson) e a síndrome de Zollinger-Ellison.(Veja a bula)

0 Ofertas encontradas A partir de R$ 0,00 até R$ 0,00


Ofertas Encontradas
Drogaria Nova Esperanca
Drogaria Nova Esperanca

Cloridrato De Ranitidina 150mg/10ml Com 120ml - Legrand Genericos na Drogaria Nova Esperanca.

Mais de 47 anos de tradição, loja Ra 1000 e Ebit Diamante


Farmacia Mix
Farmacia Mix

Cloridrato De Ranitidina 150mg/10ml Com 120ml na Farmacia Mix.

FRETE REDUZIDO: para a cidade de São Paulo e Grande São Paulo


Panvel Farmacias
Panvel Farmacias

Cloridrato Ranitidina Xarope 15mg/ml120 Ml Legrand Generico na Panvel Farmacias.

Dúvidas quanto ao Preço ou Frete? Clique e vá direto ao site da Drogaria.


Cloridrato De Ranitidina 150mg 20 Comprimido(s)

Princípio ativo: Cloridrato de ranitidina

Categoria: Medicamentos

Fabricante: Sandoz

EAN: 7897595602336

Para que serve: O cloridrato de ranitidina Injetável é indicado no tratamento de úlcera duodenal, úlcera gástrica benigna, úlcera pós-operatória, esofagite de refluxo e outros estados hipersecretores patológicos, sempre que for recomendável a administração parenteral – ou seja, na prevenção de hemorragia gastrintestinal por úlcera de estresse em pacientes em estado grave, profilaxia de úlcera pós-operatória, profilaxia de sangramento recorrente em portadores de úlcera péptica hemorrágica e profilaxia em pacientes propensos a aspiração ácida (síndrome de Mendelson) e a síndrome de Zollinger-Ellison.(Veja a bula)

0 Ofertas encontradas A partir de R$ 0,00 até R$ 0,00


Ofertas Encontradas
Drogaria Nova Esperanca
Drogaria Nova Esperanca

Cloridrato De Ranitidina 150mg Com 20 Comprimidos - Sandoz na Drogaria Nova Esperanca.

Mais de 47 anos de tradição, loja Ra 1000 e Ebit Diamante


Farmacia Mix
Farmacia Mix

Cloridrato De Ranitidina 150mg Com 20 Comprimidos na Farmacia Mix.

FRETE REDUZIDO: para a cidade de São Paulo e Grande São Paulo


Drogaria Liviero
Drogaria Liviero

Cloridrato De Ranitidina 150mg Com 20 Comprimidos Revestidos na Drogaria Liviero.

Parcelamento em 3x sem juros entrega para todo Brasil.


Para que serve

No tratamento de úlcera duodenal, úlcera gástrica, úlcera pós-operatória, esofagite de refluxo, síndrome de Zollinger - Ellison.

Contraindicação

Hipersensibilidade ao componente da fórmula.

Como usar

Adultos: Úlcera duodenal, úlcera gástrica evolutiva e esofagite:Um comprimido 150 mg duas vezes ao dia, pela manhã e à noite, ou um comprimido de 300 mg, em dose única, ao deitar. A duração do tratamento é geralmente de 4 semanas.

Crianças: Xarope - 2 a 4 mg/kg, duas vezes ao dia. Pode-se chegar ao máximo de 300 mg de ranitidina por dia.

Precauções

O tratamento com ranitidina pode mascarar sintomas relacionados a carcinoma gástrico e, desse modo, retardar o diagnóstico da doença. Diante da suspeita de úlcera gástrica, deve ser excluída a possibilidade de patologia maligna antes de se instituir a terapia com cloridrato de ranitidina injetável.

Como a ranitidina é excretada por via renal, é esperado que os níveis plasmáticos aumentem ou se prolonguem diante de insuficiência renal. Na vigência de insuficiência renal, recomenda-se ajuste posológico de acordo com o clearance.

Deve-se evitar o uso de ranitidina em pacientes com história de porfiria aguda, visto que há relatos, embora raros, de crises desta doença precipitadas pela ranitidina. É recomendada a monitoração regular dos pacientes que estão em terapia concomitante com anti-inflamatórios não esteroidais e ranitidina, especialmente dos idosos e daqueles com histórico de úlcera péptica.

Em idosos, pacientes com doença pulmonar crônica, diabetes ou imunodeprimidos, pode haver aumento do risco de desenvolver pneumonia comunitária. Em um grande estudo epidemiológico observou-se risco relativo ajustado de 1,63 (95% IC, 1,07-2,48) em usuários de drogas antagonistas do receptor H2, em comparação a pacientes que interromperam o tratamento.

O uso de doses maiores que as recomendadas de antagonistas H2 administradas por via endovenosa tem sido relacionado à elevação das enzimas hepáticas, quando o tratamento se estende por cinco dias ou mais. Foram relatados raros casos de bradicardia associados à administração rápida de cloridrato de ranitidina injetável, e esses ocorreram geralmente em pacientes com fatores que predispunham a distúrbios do ritmo cardíaco.

Populações especiais

Crianças

O uso em crianças não foi avaliado.

Efeitos na habilidade de dirigir e operar máquinas

Não há efeitos reportados relacionados ao uso de cloridrato de ranitidina.

Fertilidade

Não há informações sobre os efeitos da ranitidina na fertilidade humana. Não houve efeitos na fertilidade masculina ou feminina em estudos realizados em animais.

Gravidez e lactação

A ranitidina atravessa a barreira placentária e é secretada no leite materno. Como qualquer droga, o produto só deve ser usado durante a gravidez e o aleitamento caso seja essencial.

Categoria B de risco na gravidez.

Este medicamento não deve ser utilizado em mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Reações Adversas

8- QUAIS OS MALES QUE ESTE MEDICAMENTO PODE ME CAUSAR A maioria dos pacientes que usa este medicamento não encontra problemas Mas, como ocorre com todos os medicamentos, algumas pessoas podem apresentar efeitos colaterais Se você tiver algum dos sintomas abaixo logo após fazer uso de Ranitidil®, PARE o tratamento e procure seu médico imediatamente: Reações raras (ocorrem entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que utilizam este medicamento) - respiração ofegante, dor ou aperto, de início repentino, no peito; - inchaço de pálpebras, face, lábios, boca ou língua; - febre; - erupções cutâneas ou fissuras na pele, em qualquer lugar do corpo; - sensação de fraqueza, especialmente ao ficar em pé Reação muito rara (ocorre em menos de 0,01% dos pacientes que utilizam este medicamento) - choque anafilático (reações alérgicas graves) Conforme relatos, os eventos acima ocorreram após uma única dose Comunique seu médico o quanto antes caso sinta qualquer dos sintomas abaixo: Reação rara (ocorre entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que utilizam este medicamento) - redução dos batimentos cardíacos ou batimento irregular; - tontura; - sensação de cansaço; - fraqueza; - reação na pele, ocasionalmente grave (placas roxas/vermelhas ou erupções); - falta de ar e fadiga Reações muito raras (ocorrem em menos de 0,01% dos pacientes que utilizam este medicamento) - visão turva; - náuseas, vômitos, perda de apetite (mais severa que a usual), icterícia (pele e olhos amarelados) e urina de coloração escura Esses sintomas podem indicar que você está com hepatite (inflamação do fígado); - confusão mental; - impotência sexual reversível; - diarreia; - queda de cabelo; - dor de forte intensidade no estômago ou mudança no tipo de dor que você costuma sentir; - infecções recorrentes; - hematomas (manchas roxas na pele); - dor de cabeça; - dores musculares ou nas juntas; - problemas nos rins (os sintomas que indicam isso são: mudança na quantidade e na cor da urina, náuseas, vômitos, confusão, febre e erupções); - sensação de depressão; - alucinações; - movimentos musculares anormais ou tremor; - crescimento ou alargamento das mamas - secreção de leite pelas mamas Avise seu médico que você toma Ranitidil® caso vá fazer um exame de sangue, urina ou outro Ranitidil® pode alterar o resultado de alguns exames Se em algum momento você experimentar sintomas que não consegue entender, consulte seu médico Informe seu médico ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento Informe também à empresa através do seu serviço de atendimento 9- O QUE FAZER SE ALGUÉM USAR UMA QUANTIDADE MAIOR DO QUE A INDICADA DESTE MEDICAMENTO Devido à elevada especificidade de ação da ranitidina, não está prevista a ocorrência de problemas de

Composição

Composição: Cada comprimido contém 168,00 mg de cloridrato de ranitidina equivalente a 150 mg de ranitidina Excipiente: celulose microcristalina, dióxido de silício coloidal, estearato de magnésio, amidoglicolato de sódio, dióxido de titânio, isopropanol, Eugragit E-100, polietilenoglicol-6000 e talco II- INFORMAÇÕES AO PACIENTE

(ver Composição) - Você está grávida ou pretende engravidar logo - Você está amamentando Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista 4- O QUE DEVO SABER ANTES DE USAR ESSE MEDICAMENTO PRECAUÇÕES E ADVERTÊNCIAS O tratamento com ranitidina pode mascarar sintomas relacionados ao carcinoma gástrico (tipo de tumor no estômago) e, assim, retardar o diagnóstico dessa doença Em caso de suspeita de úlcera gástrica deve ser excluída a possibilidade de doença maligna antes de se instituir a terapia com Ranitidil® Caso você tenha insuficiência renal (mal funcionamento dos rins), converse com o seu médico Ele pode alterar a sua dosagem Deve-se evitar o uso de ranitidina em pacientes com história de porfiria aguda, visto que há relatos, embora raros, de crises desta doença causadas pela ranitidina É recomendado o acompanhamento regular dos pacientes que estão em terapia concomitante com antiinflamatórios não-esteroidais e ranitidina, especialmente dos idosos e daqueles com histórico de úlcera péptica Em idosos, e em pacientes com doença pulmonar crônica, com diabetes ou imunodeprimidos, pode haver aumento do risco de desenvolver pneumonia comunitária Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista

Superdosagem

maior gravidade no caso de eventual superdosagem de Ranitidil®

Se houver superdosagem, procure socorro médico o mais rápido possível Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure rapidamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível Ligue para 0800 722 6001, se você precisar de mais orientações

Interação Medicamentosa

A ranitidina tem o potencial de afetar a absorção, o metabolismo e a excreção renal de outros medicamentos. A farmacocinética alterada pode exigir ajuste na dosagem do medicamento afetado ou a interrupção do tratamento. As interações ocorrem por vários mecanismos, como:

Inibição do sistema oxigenase de função mista associado ao citocromo P450

A ranitidina nas doses terapêuticas usuais não potencializa a ação dos fármacos inativados por esse sistema de enzimas, como diazepam, lidocaína, fenitoína, propranolol e teofilina.

Houve relatos de alteração no tempo de protrombina com o uso de anticoagulantes de cumarina (por exemplo, varfarina). Devido ao índice terapêutico estreito, é recomendada monitoração cuidadosa da elevação ou redução do tempo de protrombina durante o tratamento concomitante com ranitidina.

Competição pela secreção tubular renal

Uma vez que a ranitidina é parcialmente eliminada pelo sistema catiônico, ela pode afetar a eliminação de outros medicamentos por essa via. Doses altas de ranitidina (como as usadas no tratamento da Síndrome de Zollinger-Ellison) podem reduzir a excreção de procainamida e N-acetilprocainamida, o que resulta em níveis plasmáticos elevados desses fármacos.

Alteração do pH gástrico

A biodisponibilidade de certos fármacos pode ser afetada. Ou seja, a absorção deles pode ser aumentada (caso de triazolam, midazolam, glipizida) ou reduzida (caso de cetoconazol, atazanavir, delaviridina, gefitinibe).

Não há evidências de interação da ranitidina com amoxicilina e metronidazol.

O uso simultâneo com cetoconazol pode resultar na redução da absorção do cetoconazol.

Os pacientes devem receber a ranitidina duas horas após o uso do cetoconazol.

Interação Alimentícia

Não há relatos até o momento.

Ação da Substância

Resultados da eficácia

O cloridrato de ranitidina proporcionou cura da úlcera duodenal em 83% dos pacientes, comparado com 32% do grupo placebo, após quatro semanas de tratamento. Pacientes com úlcera gástrica tratados por 12 semanas alcançaram a cura em 89% dos casos, comparados com 72% do grupo placebo. Taxas de cura para esofagite erosiva foram 83 e 81%, respectivamente, para os grupos que usaram 150 e 300 mg de ranitidina (grupo placebo = 58%).


Características Farmacológicas

Propriedades farmacodinâmicas

A ranitidina é um antagonista do receptor histamínico H2 dotado de alta seletividade e rápido início de ação. Inibe a secreção basal e estimula a secreção de ácido gástrico, reduzindo tanto o volume quanto o conteúdo de ácido e pepsina da secreção.

Propriedades farmacocinéticas

Absorção:

A absorção da ranitidina após injeção intramuscular é rápida: a concentração plasmática máxima geralmente é atingida dentro de 15 minutos após a administração.

Distribuição:

A ranitidina não mostra extensa ligação às proteínas plasmáticas (15%), porém exibe um grande volume de distribuição, variando de 96 a 142 litros.

Metabolismo:

A ranitidina não é extensivamente metabolizada. A fração de dose recuperada na forma de metabólitos é similar ao observado após o uso oral: e inclui 6% da dose na urina como N-óxido, 2% como S-óxido, 2% como desmetilranitidina e 1% a 2% como análogo do ácido furoico.

Eliminação:

A concentração plasmática diminui de maneira biexponencial, com uma meia vida terminal de 2-3 horas. A principal via de eliminação é a renal. Após a administração endovenosa de 150 mg de 3H-ranitidina, 98% da dose foi recuperada, incluindo 5% nas fezes e 93% na urina, dos quais 70% consistiam na droga original inalterada. Menos de 3% da dose são excretados na bile. O clearance renal é de aproximadamente 500 mL/minuto, o que excede a filtração glomerular, indicando secreção tubular renal.

Pacientes acima de 50 anos de idade:

Em pacientes acima de 50 anos de idade, a meia vida é prolongada (3-4 h) e o clearance é reduzido, o que é compatível com a diminuição da função renal relacionada à idade. No entanto, a exposição sistêmica e o acúmulo são 50% maiores. Essa diferença excede o efeito da função renal em declínio e indica aumento da biodisponibilidade nesse grupo de pacientes.

Cuidados de Armazenamento

5- ONDE, COMO E POR QUANTO TEMPO POSSO GUARDAR ESTE MEDICAMENTO Conservar em temperatura ambiente (entre 15°C a 30°C) Proteger da luz e umidade Aspecto físico: Comprimido revestido circular, biconvexo, de cor branca e isento de material estranho Prazo de validade: 24 meses a partir da data de fabricação Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem Não use medicamento com o prazo de validade vencido Guarde-o em sua embalagem original Antes de usar, observe o aspecto do medicamento Caso ainda esteja no prazo de validade e você observe alguma mudança no aspecto, consulte o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS

Dizeres Legais

III- DIZERES LEGAIS VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA M S nº 1 0917 0077 Farm Resp : Dr Jadir Vieira Junior - CRF - MG nº 10 681 Registrado por: MEDQUÍMICA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA S A Rua Otacílio Esteves da Silva, 40 - Granjas Betânia CEP 36 047-400 - Juiz de Fora - MG CNPJ 17 875 154/0001-20 - Indústria Brasileira Fabricado por: MEDQUIMICA INDÚSTRIA FARMACÊUTICA S A Rua Fernando Lamarca, 255 – Distrito Industrial CEP: 36 092-030 – Juiz de Fora – MG CNPJ: 17 875 154/0003-91 – Indústria Brasileira SAC: 0800 032 4087 www medquimica com [email protected] com Histórico de alteração para a bula Número do expediente Nome do assunto Data da notificação/petição Data de aprovação da petição Itens alterados 0944189/13-1 (10457) Medicamento Similar - Inclusão Inicial de Texto de Bula – RDC 60/12 08/11/2013 08/11/213 Atualização de texto conforme bula padrão Submissão eletrônica apenas para disponibilização do texto de bula no Bulário eletrônico da ANVISA 0155405/15-1 (10756) – SIMILAR – Notificação de Alteração de texto de bula para adequação à intercambialidade 20/02/2015 20/02/2015 I- IDENTIFICAÇÃO DO MEDICAMENTO III- DIZERES LEGAIS Versão Atual (10450) Medicamento Similar – Notificação de Alteração de Texto de Bula – RDC 60/12

Quer receber ofertas exclusivas? Subscreva a nossa newsletter!
CliqueFarma

Todas as informações contidas neste site têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. PROCURE UM MÉDICO E O FARMACEUTICO. LEIA A BULA.

Cliquefarma | CliqueFarma Drogarias Online Ltda. CNPJ 14.169.412/0001-64 | Farmacêutico Responsável: Dr. Rodrigo Singolani CRF/SP 25.429 | Rua Voluntários da Pátria, 2.820 - Conjunto 58 Cep: 02402-100 - São Paulo| Fale Conosco

Filtro